PUBLICIDADE
Topo

Diego Garcia

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Diretor diz que chegada de Neymar explodiu Liga Francesa no mundo

Chegada de Neymar revolucionou o Campeonato Francês - Franck Fife/AFP
Chegada de Neymar revolucionou o Campeonato Francês Imagem: Franck Fife/AFP
Diego Garcia

Repórter desde 2010, passou por Folha de S. Paulo, ESPN, Terra e Placar. Ganhou dois prêmios Aceesp (2014 e 2016) e foi indicado aos prêmios Comunique-se (2019), República (2017, 2018 e 2021), Folha (2018 e 2019) e Fenacor (2020). Cobriu Copa do Mundo, Olimpíadas, Mundial de Clubes e outros grandes eventos. Contato: garciadiegosilva@gmail.com

Colunista do UOL

05/08/2021 04h00

O diretor de desenvolvimento internacional da LFP (Ligue de Football Professionnel), do Campeonato Francês, Yoann Godin, afirmou, em entrevista à coluna do UOL, que a chegada de Neymar ao PSG fez explodir os indicadores de faturamento e marketing da competição.

Contratado em 2017 por uma quantia recorde —222 milhões de euros (R$ 812 milhões, à época)—, Neymar chegou e mudou o patamar do futebol local.

"Todos os indicadores cresceram rapidamente desde a chegada de Neymar Jr: público internacional, base de fãs de mídia social, envolvimento com nosso conteúdo e outros", disse Yoann.

Ele ainda afirmou que, juntamente com Mbappé, o atacante brasileiro é colocado à frente na estratégia comercial para impulsionar o crescimento das receitas do torneio.

"Não há como negar que a chegada de Neymar ao PSG foi uma virada de jogo para a popularidade da Ligue 1 Uber Eats no Brasil e no resto do mundo. Ele é um dos maiores ícones do esporte hoje. Seu primeiro jogo em casa pelo PSG ainda continua sendo uma das maiores audiências internacionais da Ligue 1 Uber Eats da história, por exemplo", afirmou o diretor.

Recentemente, os Canais Disney anunciaram a aquisição da Ligue 1 no Brasil, com jogos exclusivos na ESPN, Fox Sports e no streaming. Sobre isso, Godin ressaltou a importância da parceria para a competição.

"A oferta multicanal proposta pela Disney é importante para a cobertura e visibilidade de todos os clubes no Brasil. Acreditamos que nossos 20 clubes têm suas próprias histórias para serem contadas e a Ligue 1 Uber Eats vai muito além dos principais clubes", afirmou.

O dirigente afirmou que, há alguns meses, a Ligue 1 buscava uma forma original e inovadora para anunciar a nova temporada e novos negócios de mídia internacional, principalmente com a Disney/ESPN Brasil.

E, para isso, foi feita parceria com uma ONG franco-brasileira chamada Analog Football, ajudando crianças de famílias de baixa renda a aprender a lidar com a fotografia analógica no mundo do futebol.

Segundo Yoann, a ideia foi organizar fotos e vídeos de alta qualidade em Paris e no Rio para revelar as novas camisas dos times franceses. Para isso, foram fotografadas crianças com os uniformes, em projeto divulgado nesta semana.

A Ligue 1 teve o crescimento mais rápido de todas as Ligas Europeias em termos de participação no Brasil, com alta de 23% na temporada 2020/21, segundo dados do torneio enviados à coluna.

"Em 2021/22, concentraremos nossos esforços na integração de nosso novo parceiro de transmissão e planejaremos várias ativações de mídia e digital com a Disney durante a temporada. Também pretendemos organizar uma etapa do Tour da e-Ligue 1 no Brasil pelo segundo ano consecutivo", disse Yoann.

Por fim, ele ressaltou que jogadores como Raí, Juninho, Sonny Anderson, Fred ou, atualmente, Neymar, Marquinhos, Gerson ou Paquetá marcaram e marcam profundamente os clubes da Ligue 1 Uber Eats.

"Esta história é única e uma oportunidade para nos diferenciarmos das outras ligas. Temos a capacidade de criar um vínculo emocional que algumas outras ligas podem não ter", finalizou.