Topo
OPINIÃO

Palmeiras precisa manter Santos como freguês para usar vacilo de rivais

Abel Ferreira conversa com Dudu no treino do Palmeiras, na Academia de Futebol Imagem: Cesar Greco
Danilo Lavieri

Colunista do UOL

29/05/2022 04h00

Para continuar sua ascensão no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras precisa vencer hoje (29) e manter o Santos na sua cartela de fregueses. É o momento perfeito para aproveitar que os rivais pelas primeiras colocações na tabela não conseguiram descolar na ponta depois do início inconstante do Alviverde.

Claro que os desfalques de Abel Ferreira dificultam a missão e enfraquecem o bicampeão da Libertadores, mas o elenco que está à disposição é o suficiente para vencer o time de Fabián Bustos, mesmo com a Vila Belmiro lotada.

No histórico recente, o Palmeiras está nos pesadelos do Santos. São cinco vitórias consecutivas, com dez gols marcados e quatro sofridos. Ampliando essas estatísticas, são apenas duas derrotas palmeirenses nos últimos 16 jogos que foram disputados desde 2018.

O triunfo se faz ainda mais necessário para compensar os tropeços no início e aproveitar que seus rivais não conseguiram descolar. O empate de ontem do São Paulo contra o Ceará foi o terceiro dos últimos cinco jogos. O líder Corinthians também só venceu duas de suas últimas cinco partidas, enquanto o Atlético-MG só venceu uma.

O Alviverde, aliás, é a única equipe do Brasileirão com três vitórias nas últimas cinco partidas. O Flamengo, outro rival em potencial na luta pelo título, tem apenas sete pontos, com cinco conquistados nos últimos 15 disputados e ainda tem o Fluminense nesta rodada.

Em um Brasileirão em que os favoritos não conseguem despontar, a vitória hoje na Baixada Santista seria um aviso importante dos comandados de Abel Ferreira para o restante do país.

Siga também as opiniões de Danilo Lavieri no Twitter, no Instagram e no TikTok

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Palmeiras precisa manter Santos como freguês para usar vacilo de rivais - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL