PUBLICIDADE
Topo

Danilo Lavieri

Turbulência em São Paulo e Flamengo reabre Brasileirão na reta final

Rogério Ceni, técnico do Flamengo, durante partida contra o Ceará no Maracanã - Jorge Rodrigues/AGIF
Rogério Ceni, técnico do Flamengo, durante partida contra o Ceará no Maracanã Imagem: Jorge Rodrigues/AGIF
Danilo Lavieri

Danilo Lavieri começou a carreira em 2008 e trabalha com futebol desde 2010. Já cobriu Copa, Olimpíada, escreveu a biografia do goleiro Marcos (Nunca Fui Santo) e ganhou prêmio de furo do ano da Aceesp em 2019.

Colunista do UOL

10/01/2021 17h59

A crise de resultados em São Paulo e Flamengo a nove rodadas do término do Brasileirão reabre a disputa pelo título do Nacional. Hoje (10), os dois entraram em campo e não conseguiram vencer dois adversários mais fracos, permitindo a aproximação até mesmo do Palmeiras. Antes dessa turbulência, os dois eram considerados quase que como candidatos únicos à taça.

A equipe de Fernando Diniz não foi bem no Morumbi e perdeu por 1 a 0 para um Santos reserva e com a cabeça na semifinal da Libertadores, enquanto os comandados de Rogério Ceni perderam por 2 a 0 do Ceará que só busca uma vaga para a Sul-Americana em pleno Maracanã.

Agora, o Tricolor fica com 56 pontos em 29 partidas, seguido pelo Inter que tem 53 após vencer o Goiás. O Atlético-MG tem 49 pontos, joga amanhã contra o Red Bull e ainda terá mais uma partida para se fazer, o que permitiria que a diferença ficasse em um ponto.

O Flamengo estaciona nos 49, ao lado do Grêmio. Neste caso, os dois têm mais um jogo a fazer, o que permite que a diferença para o líder fique em quatro pontos. A rodada recoloca até o Palmeiras na briga. Depois de vencer ontem com os reservas, o Alviverde agora tem 47 pontos, mas dois jogos a menos. Isso significa que a distância poderia chegar aos três pontos, sem nem contar o confronto direto com seu vizinho de muro no centro de treinamento.

A última vez que o São Paulo não ganhava três jogos seguidos foi em outubro. Naquela ocasião, a sequência de falta de vitórias foi ainda maior e colocou a crise no Morumbi com os empates diante do Coritiba e Inter pelo Brasileirão e derrotas para LDU e River Plate pela Libertadores.

O Flamengo, por sua vez, chega também ao terceiro jogo consecutivo sem vencer, igualando a sequência de novembro com duas derrotas para São Paulo, pela Copa do Brasil, e um empate para o Atlético-GO. Naquela ocasião, o time ainda vinha de outro revés que culminou na saída de Domenèc Torrent: o 4 a 0 para o Atlético-MG.