PUBLICIDADE
Topo

MMA


Mike Tyson x Wanderlei Silva: O que se sabe sobre a possível luta

Donald Kravitz/Getty Images e Dave Kotinsky/Getty Images for Bellator MMA
Imagem: Donald Kravitz/Getty Images e Dave Kotinsky/Getty Images for Bellator MMA

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

26/05/2020 04h00

O possível retorno de Mike Tyson aos ringues tem mexido com o mundo da luta. Caso queira, o norte-americano tem uma proposta milionária em mãos para que sua volta ao esporte seja contra o brasileiro Wanderlei Silva.

Abaixo, você confere tudo que se sabe até o momento sobre a possível luta entre Mike Tyson e Wanderlei Silva no evento Bare Knuckle.

Quanto Mike Tyson e Wanderlei Silva ganhariam para lutar?

Os valores para essa luta acontecer passariam de US$ 30 milhões (R$ 163 milhões). O presidente do Bare Knuckle, David Feldman, afirmou ter oferecido US$ 20 milhões (R$ 108 milhões) a Mike Tyson, além da maior parcela das vendas de pay-per-view.

Wanderlei Silva receberia US$ 10 milhões (R$ 54 milhões) e uma pequena parte do pay-per-view. O brasileiro já aceitou o combate, falta o norte-americano. "Imagina você ir lá e meter uma bomba no queixo do Mike Tyson? Eu ia adorar dar umas porradas no Mike Tyson. Quem não ia querer? Até levar umas também".

Qual a data da luta entre Mike Tyson e Wanderlei Silva?

Como Mike Tyson ainda não aceitou, a luta segue no campo das especulações. Além disso, David Feldman não explicou em qual card do Bare Knuckle ele gostaria de realizar a luta entre Tyson e Wanderlei.

A luta seria no boxe?

Mais ou menos. O boxe sem luvas, que é o praticado no Bare Knuckle, é o "pai" do boxe tradicional. Ele foi muito popular no século XVII e meados do século XVIII, antes de perder espaço para a "nobre arte". Mas caso Tyson queira, Wanderlei aceitaria uma luta no boxe tradicional.

"Toparia até fazer uma luta de luva com ele mesmo, no boxe tradicional. Tenho nome suficiente para poder dizer que faria uma luta com o Mike Tyson, que é um dos meus ídolos. Faço na regra dele e vou para ganhar. Essa luta tem tudo para ser uma das que mais vai vender da história".

Qual a diferença do Bare Knuckle para uma luta de boxe tradicional?

Como o nome diz, a principal diferença do boxe sem luva para o boxe tradicional é a ausência de luvas e qualquer atadura que possa proteger a mão dos atletas. Mas não é a única diferença.

O ringue do Bare Knuckle é redondo, semelhante aos do MMA, mas com as cordas do boxe. Além disso, os lutadores começam os rounds separados por poucos centímetros e podem puxar o pescoço do adversário, golpe tradicional do muay-thai, mas que é proibido no boxe tradicional.

O Mike Tyson estava aposentado?

Sim. A última vez em que Mike Tyson subiu em um ringue foi em 11 de junho de 2005, quando foi derrotado por Kevin McBride. Recentemente, no entanto, ele apareceu em um vídeo treinando forte com Rafael Cordeiro, mesmo técnico de Fabrício Werdum, ex-campeão do UFC, e anunciou que estava de volta aos 53 anos.

O anúncio mexeu com o mundo das lutas e diversos adversários começaram a ser cogitados para enfrentá-lo: Evander Holyfield, Tito Ortiz, Wanderlei Silva, entre outros.

E o Wanderlei Silva?

Apesar de não lutar desde setembro de 2018, quando perdeu para Quinton "Rampage" Jackson, o brasileiro de 43 não está aposentado. Em entrevista recente à "Ag. Fight", Wanderlei disse que pretendia cumprir as duas lutas que ainda restam em seu contrato com o Bellator, mas que esperava por oportunidades empolgantes para voltar a lutar.

MMA