Topo

Esporte


Boxeador hospitalizado depois de luta morre na Argentina

Hugo Santillán tinha 23 anos e desmaiou no anúncio do resultado da luta contra o uruguaio Eduardo Abreu - @dinamitasantillan/Instagram
Hugo Santillán tinha 23 anos e desmaiou no anúncio do resultado da luta contra o uruguaio Eduardo Abreu Imagem: @dinamitasantillan/Instagram

Do UOL, em São Paulo

25/07/2019 13h51

Morreu hoje o boxeador argentino Hugo Santillán, 23 anos, que estava internado desde sábado após desmaiar ao fim de uma luta em San Nicolás de los Arroyors, província de Buenos Aires. A informação foi divulgada pelo site Todo Notícias.

Santillán enfrentou no fim de semana o uruguaio Eduardo Abreu em combate pelo título latino dos leves (até 61,2 kg) no Conselho Mundial de Boxe, mas passou mal durante o anúncio do vencedor da luta e desmaiou antes de ouvir a arbitragem divulgar o resultado de empate em decisão dividida.

Imediatamente, o argentino foi atendido no ringue, sendo posteriormente levado a um hospital na própria cidade de San Nicolás de los Arroyos. Diagnosticado com traumatismo craniano, precisou ser operado em decorrência de uma inflamação no crânio.

Enquanto esteve hospitalizado, sofreu dois infartos. Exames posteriores apontaram os pulmões comprometidos. A informação da morte foi divulgada hoje pelo hospital.

A luta foi a terceira de Hugo Santillán em 2019. No dia 15 de junho, ele foi derrotado em Hamburgo (Alemanha) pelo alemão Artem Harutyunyan. Por isso, a federação alemã tomou a decisão de proibir seus combates no país até 31 de julho.

Esporte