PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ex-jogador de beisebol do Red Sox baleado pelas costas deixa a UTI

David Ortiz, ex-jogador de beisebol, deixou a UTI após ser baleado pelas costas - Divulgação/BostonRedSox
David Ortiz, ex-jogador de beisebol, deixou a UTI após ser baleado pelas costas Imagem: Divulgação/BostonRedSox

Do UOL, em São Paulo

23/06/2019 12h55

Baleado pelas costas no último dia 9, na República Dominicana, o ex-jogador de beisebol David Ortiz deixou a UTI após quase duas semanas internado. Em nota oficial, o Boston Red Sox, ex-clube de Ortiz, afirmou que o jogador está "em boas condições".

"David deixou a UTI do Hospital Geral de Massachussetts. Ele segue em boas condições e continua a se recuperar", afirmou Tiffany Ortiz, esposa de David, em comunicado compartilhado pelos Red Sox.

David Ortiz, de 43 anos, estava em um bar em Santo Domingo, no dia 9 de junho, quando foi baleado pelas costas. Outras duas pessoas ficaram feridas no acidente, incluindo Jhoel Lopez, apresentador de televisão na República Dominicana e amigo de Ortiz. Segundo a CNN, 11 suspeitos pelo crime estão sob custódia da polícia local, e outros dois estão foragidos. A emissora ainda afirmou que a polícia acredita que os suspeitos confundiram Ortiz em um assassinato por encomenda.

O ex-jogador de beisebol, que se aposentou em 2016, passou por cirurgia ainda em Santo Domingo, e depois foi transferido para Boston, nos Estados Unidos.

Pelos Red Sox, franquia que defendeu por 13 anos, Ortiz conquistou três títulos da World Series e foi eleito 10 vezes para o time All-Star da MLB, além de ter sido escolhido o MVP (jogador mais valioso) da World Series de 2013.

Esporte