PUBLICIDADE
Topo

Basquete

Aposentadoria faz a maior "panelinha" da NBA terminar antes de começar

Lamarcus Aldridge e Kevin Durant conversam durante jogo do Brooklyn Nets na NBA - Nathaniel S. Butler/NBAE via Getty Images
Lamarcus Aldridge e Kevin Durant conversam durante jogo do Brooklyn Nets na NBA Imagem: Nathaniel S. Butler/NBAE via Getty Images

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

16/04/2021 04h00

A repentina aposentadoria de Lamarcus Aldridge, anunciada ontem (15) pelo jogador, impede que o Brooklyn Nets use em quadra os cinco astros que teve no elenco nesta temporada. A maior "panelinha" da NBA, desta forma, termina sem sequer ter jogado junta.

Aldridge deixou o basquete por um problema no coração. Ele havia sido adquirido há menos de um mês junto ao San Antonio Spurs, jogou cinco partidas com os Nets e decidiu pela aposentadoria após se sentir mal no último sábado. No período que esteve disponível, chegou a dividir quadra com alguns dos outros astros dos Nets, mas nunca com os quatro na mesma noite.

A expectativa desta semana era que Kevin Durant, Kyrie Irving, James Harden, Blake Griffin e Lamarcus Aldridge estivessem disponíveis ao mesmo tempo pela primeira vez desde que os dois últimos desta lista foram contratados. A saída de Aldridge, no entanto, põe fim a um quinteto estrelado que de fato nunca jogou na mesma partida.

O desencontro também teve a ver com lesões. Recentemente Kevin Durant perdeu 23 jogos por lesão muscular e aí, um dia antes de seu retorno, foi a vez de James Harden se contundir. Harden está há dez dias tratando um problema muscular e tem retorno previsto para hoje (16) ou domingo (18), de modo que não deu tempo de o Brooklyn Nets "apelão" disputar uma partida sequer.

A equipe de Nova Iorque apostou forte em um título nesta temporada ao contratar James Harden, Blake Griffin e Lamarcus Aldridge. A contratação do primeiro aconteceu em janeiro e já foi uma bomba, enquanto os outros dois chegaram em março para aumentar ainda mais o poderio de um time que, mesmo agora sem Aldridge, é forte candidato.

Aldridge já não vivia o auge de sua carreira, mesmo assim sua reunião com Durant, Irving, Harden e Griffin criou enorme expectativa na NBA. Somados a outro nome de destaque, o pivô DeAndre Jordan, o sexteto tem 41 participações no All-Star Game, o que foi um recorde de qualquer equipe em toda a história da liga.

Agora sem Aldridge, os Nets aguardam o fim das lesões para ter a reunião do trio Durant-Irving-Harden pela primeira vez em dois meses. É a receita para tenta dominar a Conferência Leste e desafiar outra panelinha, esta a atual campeã, de LeBron James nos Lakers.

Basquete