PUBLICIDADE
Topo

Basquete

Harden, Westbrook, LeBron, Kawhi... NBA tem briga feroz por prêmio de MVP

Michael Wyke/AP
Imagem: Michael Wyke/AP

Éder Fantoni

Colaboração para o UOL

29/03/2017 04h00

Há um ano, o armador Stephen Curry, do Golden State Warriors, se encaminhava tranquilamente para ganhar o prêmio de MVP (jogador mais valioso) da temporada 2015/16 da NBA. Ele se tornou o primeiro jogador a ser laureado de forma unânime. Em 2016/17, porém, a história é bem diferente.

A disputa pelo prêmio neste ano é uma das mais acirradas da história da NBA. Pelo menos quatro jogadores têm totais condições de vencer: Russell Westbrook (Oklahoma City Thunder), James Harden (Houston Rockets), LeBron James (Cleveland Cavaliers) e Kawhi Leonard (San Antonio Spurs).

O vencedor é escolhido por meio de uma votação entre jornalistas dos Estados Unidos. O resultado final deve ser divulgado em maio.

Rei dos triplos-duplos x Barba

Westbrook e Harden despontam como os grandes favoritos. Pudera. Os seus números são impressionantes.

O armador do Thunder tem média de triplo-duplo na temporada (31.4 pontos por jogo, 10.4 assistências e 10.5 rebotes). Ele está perto de se tornar o segundo jogador da história da NBA a terminar a temporada com dígitos duplos em três fundamentos, algo alcançado apenas por Oscar Robertson, em 1961/62.

No campeonato deste ano, Westbrook já coleciona 37 triplo-duplos. Ele está a apenas quatro de igualar o recorde de Robertson em uma mesma temporada.

“Pelo o que tem jogado, tem que ser ele [o vencedor do prêmio]. Tem jogado para burro. Leva o time nas costas e fazer isso na NBA, com esse nível de jogo, não é fácil. Ele mata um leão quatro vezes por semana para sustentar o time dele”, disse o ex-jogador brasileiro Marcel de Souza ao UOL Esporte.

De fato, Westbrook é a salvação do Thunder. O segundo jogador que mais pontua na equipe é o ala Victor Oladipo, que não chega nem a 20 pontos de média por partida (tem 16.4). O armador de 1.91 m pega mais rebotes até mesmo do que o pivô Steven Adams (média de 7.6), de 2,13 m.

Graças às boas atuações de Westbrook, o Thunder tem 42 vitórias (e 31 derrotas) na temporada e está na sexta colocação da Conferência Oeste, praticamente classificado para os playoffs.

Harden, por sua vez, não tem média de triplo-duplo, mas seus números também o colocam como um supercandidato ao prêmio. Ele lidera a liga em assistências (11.3) e tem 29.4 pontos por jogo, além de 8.0 rebotes. Nesta temporada, ele tem 19 triplos-duplos (só fica atrás de Westbrook).

Mas o armador dos Rockets fica à frente do jogador do Thunder em outras estatísticas, como no aproveitamento de arremesso de quadra (45% contra 42%), de dois pontos (54% contra 46%), de três pontos (35% contra 33%) e lances livres (85% contra 84%).

Para o atual detentor do prêmio, Curry, que corre por fora pelo tri, Harden merece ganhar o troféu. “Eu acho que você tem que recompensar o melhor time, a melhor campanha. Isso faz parte da história do prêmio de MVP. Então, acho que James [Harden] provavelmente vai superar [Westbrook] por causa disso”, disse Curry.

Harden lidera o time com a terceira melhor campanha na NBA. O Houston Rockets tem 51 vitórias e 22 derrotas e está na terceira posição da Conferência Oeste, atrás somente de Warriors e San Antonio Spurs.

Curry - AP Photo/Marcio Jose Sanchez - AP Photo/Marcio Jose Sanchez
Imagem: AP Photo/Marcio Jose Sanchez

Curry?

A disputa, porém, não se resume aos dois jogadores. Há quem aponte até mesmo Curry como o merecedor do prêmio, como Oscar Schmidt. “Joga de uma maneira sensacional, muito parecida com a da minha geração”, afirmou o ex-jogador.

Com a chegada de Kevin Durant, as jogadas dos Warriors ficaram mais divididas. Com isso, Curry viu os seus números caírem em relação à temporada passada. Em pontos, por exemplo, foi de 30.1 a 24.8. Seu aproveitamento da linha de três pontos também desabou: de 45% para 40%.

Kawhi x LeBron - Darren Abate/AP - Darren Abate/AP
Imagem: Darren Abate/AP

LeBron e Kawhi Leonard

LeBron já ganhou o prêmio de MVP quatro vezes (2008/09, 2009/10, 2011/12 e 2012/13). Aos 32 anos, ele é peça fundamental nos Cavaliers. Tem média de 26 pontos por jogo e uma pontaria de dar inveja. Dos candidatos, o ala possui o melhor aproveitamento nos arremessos de quadra (54%). Além disso, James possui médias de 8.4 rebotes e 8.8 assistências - é o sexto maior garçom da competição, atrás apenas de cinco armadores.

Já Leonard, de 25 anos, vem em uma ascendente em sua carreira. Tem média de 3.5 assistências e 26 pontos por jogo. É o principal jogador de um time que tem 57 vitórias e apenas 16 derrotas. Ao seu favor, pesa ainda o fato de ser um dos jogadores mais fortes de defesa: foi eleito o melhor defensor nas duas últimas temporadas.

Basquete