PUBLICIDADE
Topo

Papo Preto #42: O papel do jornalismo na luta antirracista

Mais Papo Preto
1 | 25

De Ecoa, em São Paulo

04/08/2021 06h00

O que torna uma prática jornalística antirracista? Neste episódio de Papo Preto, Yago Rodrigues conversa com as jornalistas Nadine Nascimento e Caroline Nunes, que compõem a Alma Preta Jornalismo, sobre suas trajetórias, referências e sobre como é possível praticar um jornalismo que combata o racismo.

Nadine diz que o fato de vivemos em um país de origem colonial e fundado por uma estrutura escravista, que deixou um legado disso é desigualdade e um abismo social entre bancos e negros faz com que qualquer questão passe por uma discussão antirracista.

"Não podemos discutir nada nesse país sem passar pela questão racial. Para pensar em fortalecer a nossa democracia é preciso, antes, discutir como melhorar a vida do povo preto", diz ela a partir de 4:10 do arquivo acima.

Para Nadine, a mídia tradicional é muito pautada na questão da suposta democracia racial. "É um discurso que parte de uma relação apaziguada entre as raças. A gente poder falar por nós, sobre o que somos de fato, é muito importante."

Caroline Nunes diz que se 56% da população do Brasil é negra, 56% dos líderes precisam ser negros, e isso também entre os jornalistas. Só assim será possível fazer notícia com o mesmo olhar.

"Quantas pessoas negras são necessárias em diversas matérias que produzimos diariamente? Quantas são ouvidas como fonte? E a contratação de pessoas? Tem algum especialista em diversidade?", são questões que, para ela, são importantes para avaliar o veículo de imprensa (a partir de 19:22 do arquivo acima).

Papo Preto é um podcast produzido pelo Alma Preta, uma agência de jornalismo com temáticas sociais, em parceria com o UOL Plural, um projeto colaborativo entre o UOL, coletivos e veículos independentes. Novos episódios vão ao ar todas as quartas-feiras.

Podcasts são programas de áudio que podem ser ouvidos a qualquer hora e lugar — no computador, smartphone ou em outro aparelho com conexão à internet. Você pode ouvir Papo Preto no canal do UOL no YouTube e nas plataformas de podcast Spotify, Google Podcast, Deezer, Apple Podcast e CastBox.