PUBLICIDADE
Topo

Conversa de Portão #36: A CPI da Pandemia vai acabar em pizza?

Mais Conversa de Portão
1 | 25

De Ecoa, em São Paulo

08/06/2021 06h00

Embora não tenha conclusões imediatistas nem poder de julgar e condenar nenhum governante, os trabalhos de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) podem resultar em acontecimentos futuros importantes que podem mudar os rumos da nossa história.

Neste episódio de Conversa de Portão, Jéssica Moreira conversa com a advogada com foco em direitos humanos Sheila de Carvalho para entender como funciona uma CPI, em especial a atual CPI da Pandemia, o que ela representa e qual a sua importância.

"Por muito tempo foi pautada a necessidade de uma CPI para investigar a atuação do governo no enfrentamento da pandemia", explica. "Provavelmente o resultado da CPI não vai ser o de que estamos tratando de um genocídio, porque há uma disputa política envolvida. Mas Bolsonaro vai ser julgado pela história e pelo mundo como um genocida" (a partir de 5:09 do arquivo acima).

Apesar das boas intenções da comissão, a advogada alerta para o fato de as reais vítimas da má atuação do governo não estarem representadas. "É extremamente agressivo ver a composição dessa CPI especialmente quando vemos quem são as pessoas mais atingidas pela pandemia. Há alto índice de mortalidade de pessoas negras, quilombolas, indígenas. Famílias mais pobres, mulheres chefes de família. Essas são as vítimas reais e não vamos vê-las nessa CPI" (a partir de 6:23 do arquivo acima).

Sobre a sensação generalizada entre os brasileiros de que toda CPI acaba em pizza, Sheila de Carvalho diz que esse sentimento tem uma explicação, porque há mais CPIs no Brasil que não resultam em nada do que as que realmente apuram denúncias e encaminham processos.

"A CPI não resulta no impeachment, ele tem outra dinâmica. Mas pode resultar em ações de responsabilização de Bolsonaro no âmbito da Justiça comum", diz." Como nossa Justiça tem um tempo, para abrir um processo e ele ter andamento não é possível fazer nos próximos dois anos e provavelmente haverá uma manutenção do presidente no poder nesse período (a partir de 13:35 do arquivo acima).

O Conversa de Portão é um podcast produzido pelo Nós, Mulheres da Periferia em parceria com UOL Plural, um projeto colaborativo do UOL com coletivos e veículos independentes. Novos episódios são publicados toda terça-feira.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição. Você pode ouvir Conversa de Portão, por exemplo, no Youtube, no Spotify e no Google Podcasts.