PUBLICIDADE
Topo

Adolescente vende bonecas de pano para ajudar famílias vulneráveis na Bahia

Mariana desenha as bonecas de forma que sejam representativas, e a mãe e avó as confeccionam - Arquivo pessoal
Mariana desenha as bonecas de forma que sejam representativas, e a mãe e avó as confeccionam Imagem: Arquivo pessoal

Ed Rodrigues

Colaboração para Ecoa, em Recife

25/11/2021 06h00

A adolescente Mariana Barbosa, de 16 anos, que é miss Bahia Teen 2021, encontrou na confecção de bonecas de pano uma maneira de ajudar pessoas durante a pandemia da covid-19.

O projeto 'Por Um Sorriso de Criança' doa bonecas a crianças em situação de vulnerabilidade. No entanto, com o efeito severo da crise sanitária, passou a vender as peças para arrecadar recursos e custear enxovais para mães em dificuldade, em Maragogipe, a 142 km de Salvador.

O trabalho é feito em família. Mariana desenha os modelos e sua mãe e a avó tiram as ideias do papel. A Ecoa, ela contou que elas já confeccionaram mais de mil exemplares.

Como tudo começou

"A primeira boneca, feita em feltro, foi usada na fisioterapia da minha mãe, que não conseguia fechar a mão por causa da doença de Parkinson. Mas resolvi continuar fazendo as bonecas para doação, principalmente para crianças negras, pois a maioria das minhas bonecas são negras e também portadora de alguma necessidade especial, para mostrar a representatividade e elas se identificarem", explicou.

Em janeiro deste ano, com a pandemia agindo mais intensamente sobre a comunidade mais pobre, surgiu a ideia de colocar as bonecas à venda e reverter todo o valor para as doações.

"Essas doações são de cestas básicas, roupas, itens de higiene e enxovais de bebê. Todas as bonecas são feitas por minha mãe, e minha avó também ajuda. Montamos a boneca, escolhemos roupa e enfeites, e depois ela aguarda comprador. São todas feitas da mesma essência: amor", disse.

Bonecas - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Mariana, que já foi miss teen, faz questão de entregar as doações de enxovais pessoalmente
Imagem: Arquivo pessoal

Mariana explicou que a venda é feita por meio da divulgação dos amigos e nas redes sociais. Ela manda fotos das bonecas, a pessoa escolhe e o projeto envia até o comprador.

"Vendemos cada uma a R$ 25. De janeiro de 2021 até hoje entregamos 28 enxovais em Maragogipe, em Salvador, em Mata de São João e em Ipirá. Tem mais quatro para entregar até o fim deste ano. As pessoas de uma forma ou de outra ficam sabendo das doações, e chegam os pedidos. Então analisamos a situação das famílias e tentamos ajudar", acrescentou.

"Um movimento de amor e solidariedade"

A entrega das doações ocorre pessoalmente. A família faz questão de ir de porta em porta. "É um movimento de amor e solidariedade que vem tomando uma proporção que eu não esperava. Uma corrente de amor pelo próximo", conta Mariana.

Ela diz ainda que no mês de novembro realizaram duas campanhas: uma para arrecadar fraldas descartáveis (ou qualquer valor pelo PIX, que será revertido para a compra), e ainda a realização de um show beneficente com entrada mediante doação de alimentos não perecíveis.

"Quanto mais amigos pudermos agregar nessas campanhas de amor, mais vamos aumentando a corrente. Não consigo explicar por palavras o que sinto em poder ajudar. Não busco agradecimento. Basta saber que ajudamos a amenizar um pouquinho o sofrimento de alguém", destacou.

A dona de casa Thaiz Soares tem quatro filhos. O caçula, Apollo Miguel, de 5 meses, teve o enxoval doado pelo projeto. Ela considera o trabalho importante e diz que a ajuda chegou em boa hora.

"Fico emocionada por ver o gesto de solidariedade do projeto. Inclusive, além do enxoval, eu recebi também recebi alimentos. Espero que as pessoas continuem adquirindo as bonecas para que mais famílias sejam ajudadas."

Para saber mais sobre o projeto ou encomendar as bonecas, basta acessar a página do Instagram. Doações podem ser feitas por PIX (chave-CPF): 947 762 025 49 ou por transferência bancária para: Banco Caixa Econômica Federal | Agencia 4450 | Operação 013 | Conta poupança 5698-7