PUBLICIDADE
Topo
Desigualdade

Desigualdade

Frio no Brasil: como doar cobertores, gorros e roupas para população de rua

Padre Julio Lancellotti entrega alimento para pessoa em situação de rua; ongs recebem doações e saiba como doar - Daniel Kfouri/Reprodução/Instagram
Padre Julio Lancellotti entrega alimento para pessoa em situação de rua; ongs recebem doações e saiba como doar Imagem: Daniel Kfouri/Reprodução/Instagram

Marcos Candido

De Ecoa, em São Paulo

14/05/2021 06h00Atualizada em 15/07/2021 13h20

O frio está chegando, especialmente nas regiões menos quentes do país, e é possível doar cobertores e alimentos para quem não tem casa e vai encarar temperaturas de menos de 10 graus dormindo nas calçadas. Atualmente, o Brasil tem quase 225 mil pessoas em situação de rua, segundo o Ipea. Para especialistas, o número pode ser ainda maior devido à pandemia.

As doações de cobertores às populações de rua podem ser feitas por meio de ONGs, instituições civis, religiosas, coletivos e projetos sociais. Igrejas e os governos estaduais e municipais também administram abrigos para a população de rua.

Exército de Salvação (São Paulo - SP)

O Exército de Salvação está promovendo a tradicional "Caixa do Bem", onde podem ser doadas roupas de frio, como casacos, toucas, cobertores e etc. A instituição fundada em 1885 envia a caixa para a coleta das peças, recolhe e doa em bazares beneficentes ou distribui diretamente a quem precisa em São Paulo. Para mais informações, acesse a campanha de inverno do Exército de Salvação ou telefone para 4003-2299.

Pastoral do Povo de Rua - (São Paulo - SP)

O padre Julio Lancellotti recebe e doa agasalhos, cobertores, gorros, toucas e meias para pessoas em situação de rua. Basta ir até a Rua Taquari, 1100, Mooca ou fazer doações em dinheiro nas contas abaixo. Para mais informações, acesse o Instagram @padrejulio.lancellotti

Mitra Arquidiocesana de São Paulo
Banco Bradesco: 237
Agência: 0124
CC: 0053148-0
CNPJ: 63.089.825/0001-44

Paróquia São Miguel Arcanjo
Banco Bradesco: 237
Agência: 0299
CC: 034857-0
CNPJ: 63.089.825/0097-96

Anjos da Noite (São Paulo - SP)

A ONG Anjos da Noite está com uma parceria com Lepin Enxovais onde é possível comprar cobertores, mantas, meias e toucas novas para doações da população de rua de São Paulo. Para ajudar, acesse o site da campanha da Lepin e Anjos da Noite ou doações no endereço rua José Teixeira da Silva, 15 - Parque das Paineiras (próximo ao metrô Artur Alvim). Para mais informações, acesse a página Anjos da Noite.

Pessoas do Bem - @pessoas_dobem (São Paulo - SP)

Um grupo de amigos da região do Tatuapé, na zona leste de São Paulo, se juntou para a doação de roupas e cobertores. O site também mantém parceria com a Lepin Enxovais e também recebe doações por meio do telefone: (11) 93297-1727.

Entrega por SP (São Paulo - SP)

O projeto faz a distribuição de alimentos, cobertores e meias. Doações e mais informações no site do projeto.

Cruz Vermelha (São Paulo - SP)

A tradicional Cruz Vermelha faz a doação de Kit Inverno para a população empobrecida e de rua. As doações são a partir de R$ 120. Para doar, basta acessar o site de doações da Cruz Vermelha em São Paulo.

Solidariedade Vegan (São Paulo - SP)

Liderado por João Gordo, o Solidariedade Vegan ajuda pessoas em situação de rua na região central de São Paulo. Grupo também pode transferir peças de inverno a pessoas empobrecidas ou em situação de rua. Ponto de arrecadação de roupas, cobertores e alimentos fica na rua Augusta 1371, loja 116. Em depósito, transfira para banco Itaú; João F. Benedan; agência 3757; conta 04754-7. Ou Pix: 101.471.468-01. Paypal: vivi.torrico@uol.com.br

Beleza Sem Tamanho (São Paulo - SP)

Grupo realiza doação para população em vulnerabilidade social que vistam peças GG+, ou acima dos 58. Para mais informações, acesse o Facebook do Beleza Sem Tamanho ou acesse a página oficial do grupo.

Clube Sírio (São Paulo)

O Esporte Clube Sírio está com uma campanha aberta para a distribuição de agasalhos em São Paulo. As doações podem ser feitas em dinheiro na Vakinha da campanha "Agasalhos para quem tem frio" ou no setor de filantropia do Esporte Clube Sírio localizado na avenida Indianópolis, 1192, no bairro Planalto Paulista na capital.

Rede Iguatemi de shoppings (São Paulo - SP)

Pelo quinto ano consecutivo, a Iguatemi apoia a Campanha do Agasalho da capital paulista em parceria com a Cruz Vermelha de São Paulo. Este ano será possível doar agasalhos e cobertores em bom estado, alimentos não perecíveis, além de itens de higiene pessoal (sabonetes, escovas e pastas de dentes, xampus e condicionadores, álcool em gel e máscaras) e produtos de limpeza em geral, solicitados por conta do cenário atual decorrente da pandemia. Toda arrecadação realizada nos empreendimentos será distribuída entre as ONGs cadastradas junto à entidade. A lista com endereços do shoppings da rede na capital paulista pode ser vista no site oficial da Iguatemi.

Tripulantes do Bem (Santos - SP)

A ONG santista Tripulantes do Bem recebe doações de agasalhos para a população em situação de rua na cidade. Todos os contatos para doação e dúvidas podem ser realizados no site: Tripulantes do Bem, no telefone (13) 99666-4444 ou no e-mail: contato@tripulantesdobem.com.br. Além de ações de arrecadação e distribuição, a ONG mantém postos de coleta e doação no município. Para mais informações, acesse o Instagram @Tripulantesdobem

Exército de Salvação (Rio de Janeiro - RJ)

O Exército de Salvação também está promovendo a tradicional "Caixa do Bem" no Rio de Janeiro. Qualquer pessoa pode depositar roupas de frio, como casacos, toucas, cobertores e etc na caixa. Para mais informações, acesse a campanha de inverno do Exército de Salvação ou telefone para 4003-2299.

Instituto Lar (Rio de Janeiro - RJ)

A instituição Lar recebe doações para enviar meias, cobertores e peças de frio para a população de rua fluminense. Para doar, basta transferir via Pix para o CNPJ: 29082702000143 e entre na página do Lar no Instagram para mais formas de doação.

Rede Solidária (Belo Horizonte - MG)

A Rede Solidária inaugurou mais uma campanha de inverno para esquentar a população de rua na capital mineira. Para doar, acesse o Instagram da Rede Solidária para conhecer os pontos de coleta e obter mais informações.

Arquidiocese de Belo Horizonte (Região Metropolitana de Belo Horizonte - MG)

Agasalhos, cobertores, toucas, alimentos e kits de higiene podem ser doados em paróquias na região metropolitana de Belo Horizonte. Os endereços para as doações para a iniciativa Solidariedade em Rede podem ser acessados no endereço da Arquidiocese de Belo Horizonte.

Centro-Pop (Vitória-ES)

Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas) de Vitória recebem doações de alimentos, cobertores e agasalhos para auxiliar a população de rua. O espaço fica na avenida Dário Lourenço de Souza, sem número, de segunda a sexta-feira, das 7 às 18 horas.

Doe solidariedade (Curitiba - PR)

A Fundação de Ação Social (FAS) da prefeitura de Curitiba iniciou uma campanha para doar roupas masculinas para a população de rua da capital paranaense. Também é possível doar alimentos, que serão doados para a população empobrecida da cidade. Supermercados e drive-thrus estão recebendo as doações. Para saber os endereços, basta acessar o site da campanha.

Rango de Rua (Curitiba - PR)

O grupo distribui marmitas para a população de rua de Curitiba, mas também leva cobertores, mantos e outras peças para o inverno. Para mais informações, acesse o Instagram do Rango de Rua ou telefone para (41) 98708-0598

Sopão solidário (Porto Alegre - RS)

O grupo Sopão Solidário aceita doações de R$ 15 para a compra de cobertores ou R$ 7 para toucas para a população gaúcha em situação de rua. As doações podem ser feitas por Pix. Para mais informações, basta acessar o site do Sopão Solidário. Para outras informações, (51) 9913-65609.

Cozinheiros do Bem (Porto Alegre - RS)

O grupo formado por voluntários distribui comida e também distribui cobertores para a população de rua. Para mais informações, envie uma mensagem via WhatsApp para (51) 998532190 ou (51) 9844-80325.

Conhece mais iniciativas? Sugira nos comentários.
Doou? Você pode saber o destino do seu dinheiro. Peça transparência.

Desigualdade