PUBLICIDADE
Topo

Fundo prestará apoio de até R$ 690 mil a projetos na América Latina

Fundo para organizações de empoderamento cívico receberá propostas até 30 de abril - Divulgação
Fundo para organizações de empoderamento cívico receberá propostas até 30 de abril Imagem: Divulgação

Lígia Nogueira

Colaboração para Ecoa, em São Paulo

31/03/2021 04h00

Uma associação entre organizações filantrópicas globais permitiu a criação de um fundo para prestar apoio de até US$ 120 mil a projetos de organizações da América Latina que trabalhem pelo fortalecimento da participação cidadã e a democracia na região.

Formada por Luminate, Open Society Foundations e Fundación Avina, a Pulsante selecionará, até o dia 30 de abril, propostas de cinco ou seis organizações latino-americanas que poderão solicitar recursos entre US$ 80 mil e US$ 120 mil (R$ 460 mil a R$ 690 mil) e ainda receber apoio técnico em áreas como foco em gênero, comunicação, incidência política e segurança digital, entre outras.

Os apoios terão duração de 18 a 24 meses e estão detalhados no site da aliança. Podem se inscrever as organizações que forem legalmente constituídas e tiverem sede na América Latina.

A prioridade do Fundo para Organizações, de acordo com os idealizadores, é fortalecer e consolidar uma cidadania ativa e organizada que possa incluir vozes tradicionalmente excluídas, influenciar as estruturas de poder e, consequentemente, contribuir para melhorar a qualidade das democracias.

O plano de apoio foi desenvolvido a partir de uma série de diálogos com pessoas que atuam na defesa das democracias na América Latina. "A intenção era ouvir suas preocupações mais atuais e entender as dores e oportunidades percebidas em campo para assim criar melhores estratégias", explica Lucía Abelenda, Gerente de Programa da Fundación Avina, fundação latino-americana criada em 1994 que promove a sustentabilidade a partir de processos colaborativos.