PUBLICIDADE
Topo

Ecoa e Pacto Global transmitem painel sobre Covid e mudanças climáticas

O engenheiro florestal Tasso Azevedo - Divulgação
O engenheiro florestal Tasso Azevedo Imagem: Divulgação

De Ecoa, em São Paulo

14/05/2020 04h00Atualizada em 14/05/2020 12h40

A Rede Brasil do Pacto Global da ONU (Organização das Nações Unidas) está promovendo em abril uma série de webinars que discutem a relação da Covid-19 com temas ligados à sustentabilidade. O engenheiro florestal Tasso Azevedo, coordenador da iniciativa MapBiomas irá falar sobre os efeitos da pandemia nos padrões de emissões e na agenda de enfrentamento das mudanças climáticas. O painel seria realizado, com transmissão de Ecoa, nesta quinta-feira (14), mas um problema de agenda provocou o adiamento. Nova data será informada em breve.

Segundo Azevedo, o período crítico da Covid-19 deve reduzir as emissões globais de gases de efeito estufa, especialmente no setor energético. Por outro lado, estamos intensificando outros impactos como o uso de materiais e embalagens descartáveis. Alguns destes efeitos são temporários e serão revertidos assim que a economia começar a se recuperar. Outros poderão ser mais perenes, como a redução das viagens aéreas de negócios.

O MapBiomas é um projeto de mapeamento da cobertura e do uso do solo do Brasil, uma iniciativa do SEEG/OC (Sistema de Estimativas de Emissões de Gases de Efeito Estufa do Observatório do Clima). É produzido por uma rede colaborativa de co-criadores formado por ONGs, universidades e empresas de tecnologia organizados por biomas e temas transversais.

O webinar faz parte da série Quarentena com o Pacto, que já teve painéis sobre meio ambiente e pandemia (com o especialista em mudanças climáticas Carlos Nobre; assista), sobre impactos na produção agrícola, na cadeia de alimentos e discutindo os riscos da Covid-19 para o setor de saúde e de contratações públicas.

Coronavírus