PUBLICIDADE
Topo

Rodrigo Hübner Mendes

A eliminação de barreiras na América Latina

Rodrigo Hübner Mendes

Rodrigo Hübner Mendes tem dedicado sua vida para garantir que toda pessoa com deficiência tenha acesso à educação de qualidade na escola comum. É mestre em administração pela Fundação Getúlio Vargas (EAESP), membro do Young Global Leaders (Fórum Econômico Mundial) e Empreendedor Social Ashoka. Atualmente, dirige o Instituto Rodrigo Mendes, organização sem fins lucrativos que desenvolve programas de pesquisa e formação continuada sobre educação inclusiva em diversos países.

30/10/2020 04h00

No começo deste ano, antes que a pandemia nos atropelasse, tive a oportunidade de ir à conferência anual do Zero Project, em Viena. Trata-se de uma plataforma global voltada a soluções inovadoras e eficientes para superar os desafios enfrentados por pessoas com deficiência. O Zero que batiza a iniciativa vem da ideia de que tenhamos uma meta de zero barreiras relativas a esse segmento da população.

A boa notícia é que essa ideia se expandiu e está chegando na América do Sul. A partir da aproximação com uma instituição chilena, a Fundación Descúbreme, o Zero Project vai realizar seu primeiro evento de grande alcance na América Latina: a Conferencia de Zero Project Latinoamérica sobre Educación Inclusiva 2020. Dadas as limitações que a pandemia da covid-19 impõe, será um encontro virtual.

É mais um sinal de que por aqui também avançamos. Nesse encontro, serão apresentadas ações desenvolvidas em diversos países e que foram premiadas na convocatória 2019-2020 do Zero Project. O DIVERSA, portal brasileiro sobre boas práticas de educação inclusiva, fará parte do evento, juntamente com outros representantes do nosso país. Além de poder estar presentes em diferentes sessões, os participantes terão a oportunidade de visitar e explorar uma exposição e uma biblioteca online, além de interagir com outros integrantes das sessões, numa dimensão no mínimo continental e, no limite, planetária.

Eventos como esse nos ajudam a constatar que a eliminação de barreiras é uma ideia que se expande mundo afora. Representa um grande passo civilizatório que estamos dando nesta primeira metade do século. Bem-vindo à América, Zero Project!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.