Topo

Receitas


Restaurante poupa lagosta azul em cardápio para doar a aquário nos EUA

Dono do Arnold
Dono do Arnold's Lobster, em Massachusetts (EUA), vai doar a lagosta azul para aquário em St. Louis Imagem: Reprodução

do UOL

25/06/2019 11h33

Uma em cada duas milhões de lagostas é azul, de acordo com o Instituto da Lagosta, da Universidade de Maine. A espécie extremamente rara foi encontrada em uma remessa do Arnold's Lobster & Clam Bar, em Massachusetts (EUA), e não irá para o prato de nenhum cliente do restaurante de frutos do mar.

O dono do local, Nathan Nickerson, decidiu doar a criatura colorida -- que está viva -- para exibição em um aquário.

Em depoimento à CNN, Nathan conta que ficou impressionado com a cor da lagosta que, a princípio, seria servida em seu restaurante: "Todo mundo estava circulando em torno dela, apenas se perguntando: 'Como isso aconteceu?'".

Nickerson deixou a espécie apelidada de "baby blue" (bebê azul, em português) exposta no Arnold's Lobster & Clam Bar com a intenção de que as crianças apreciem a lagosta e se interessem pela vida marinha. "Talvez alguém possa se transformar no próximo biólogo marinho", idealiza Nathan.

O plano agora é encaminhar a "baby blue" para o aquário de St. Louis, em Missouri, nos Estados Unidos. "Eu gostaria de dar a lagosta azul para o aquário de St. Louis em respeito ao St. Louis Blues, que venceu o campeonato, para mostrar que os fãs de Bruins têm classe", explica Nathan Nickerson sobre a homenagem para o time de hóquei no gelo. "Queremos que essa lagosta fique viva e segura", completa.

Mais Receitas