PUBLICIDADE
Topo

Camaro ou camarão? Esportivo atola em praia de SP e viraliza nas redes

Alessandro Reis

Do UOL, em São Paulo (SP)

06/01/2021 04h00Atualizada em 06/01/2021 13h18

O motorista de um Chevrolet Camaro SS vermelho chamou a atenção nas redes durante o último feriadão de Réveillon na Praia do Perequê, em Ilhabela, no litoral paulista.

Pelo menos dois vídeos que se tornaram virais nos últimos dias mostram o esportivo com as rodas traseiras dentro da água girando em falso, durante tentativa frustrada de retirar uma moto aquática do mar.

Rodeado por uma multidão, o condutor aparece acelerando o motor 6.2 V8 aspirado de 406 cv ao tentar sair dali.

O peso do veículo, combinado com a aceleração e as ondas do mar, acaba por afundá-lo ainda mais na areia.

Em dado momento, tudo leva a crer que o destino do Camaro SS, modelo 2015, seria ficar totalmente alagado.

Porém, surge um jipe 4x4 disposto a ajudar. Após mais alguns momentos de tensão, finalmente o cupê é rebocado e salvo de uma provável perda total.

Após o resgate, o Camaro vermelho voltou à terra firme e virou atração local - além de se tornar alvo de piadas durante seu salvamento e também em comentários nas redes.

"O dono esqueceu que é um Camaro não um camarão", disse um internauta no Facebook.

"Achei que era oferenda para Iemanjá", zoou outro.

"Acabo não entendendo. Turista vem com seu carrão, deve estar em uma bela pousada, abastecendo nos postos e gerando emprego, e se torna motivo de risos", pontuou uma terceira pessoa.

Dono do Camaro explica o que aconteceu

Wemerson Fernandes Santos Camaro Ilhabela - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Wemerson Santos posa com seu Camaro SS 2015 que virou meme nas redes sociais
Imagem: Arquivo pessoal

UOL Carros conversou com Wemerson Fernandes Santos, de 30 anos, que estava ao volante na ocasião e é dono do Camaro que se tornou meme.

Segundo o empresário, que mora em Cotia (SP), o incidente aconteceu no fim da tarde do sábado passado, dia 2 de janeiro, e o resgate do cupê demorou cerca de uma hora e meia.

Santos conta que seu bólido saiu praticamente intacto e já passou por higienização completa, bem como lubrificação das partes externas que tiveram contato com a água salgada.

De acordo com ele, o atolamento só aconteceu devido à demora do seu colega em posicionar a moto aquática para ser rebocada.

"Ali tem uma rampa de concreto para colocar e retirar pequenas embarcações do mar. A maré estava subindo e as rodas traseiras acabaram derrapando até a areia. Aí, não teve jeito, o carro não saía mais de lá. Mas isso é algo normal, já aconteceu comigo em outra praia e com outro veículo".

O empresário se diz surpreso com toda a repercussão que o caso teve, especialmente as críticas e piadas.

"Fiquei chateado com a reação do pessoal. Se você observar os vídeos, tem aproximadamente 200 pessoas assistindo ou gravando a cena com o telefone celular e só algumas se dispuseram a ajudar. Se mais gente se solidarizasse, meu Camaro teria saído dali em poucos minutos", salienta.

Wemerson Santos lamenta os ataques que, segundo ele, demonstram "falta do mínimo de amor ao próximo" e "desejam o pior".

Wemerson Fernandes Santos Ilhabela Camaro - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Camaro vermelho com moto aquática na carretinha; dono diz que atolamento foi 'normal'
Imagem: Arquivo pessoal

"No lugar deles, eu pararia para ajudar, qualquer que fosse a pessoa e o modelo de carro. Disseram que rico é burro. Não sou rico, playboy nem filho de papai. Já fui motoboy e vendedor de shopping. Lutei para adquirir tudo o que tenho e não é de hoje. Humildade acima de tudo".

Santos afirma ter comprado seu Camaro SS zero-quilômetro e diz que o utiliza mais nos fins de semana. O cupê, relata, hoje tem cerca de 30 mil km rodados e está praticamente original, exceto pelo escapamento.

"Uso sem dó, no mês passado rodei uns 1.500 km até a Bahia com ele".

Apesar dos "haters", ele diz que o saldo do perrengue no Perequê foi positivo.

"Fiz amigos, incluindo o dono da pousada onde fiquei e fui super bem tratado. Pretendo voltar a Ilhabela no próximo feriado, dirigindo o Camaro vermelho, é claro".