PUBLICIDADE
Topo

Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi visa lançar 35 novos elétricos até 2030

Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi divulga planos até 2030 - Reprodução
Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi divulga planos até 2030 Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo (SP)

28/01/2022 11h03

Em uma apresentação nesta última quinta-feira, a aliança Renault-Nissan-Mitsubishi divulgou seus planos até 2030. As marcas visam revelar 35 novos carros elétricos até o fim deste período. Estes veículos terão baseados em cinco plataformas e serão alvo de um investimento de 23 bilhões de euros (R$ 138 bilhões) nos próximos cinco anos.

Estas cinco plataformas - CMF-AEV, Kei-EV, LCV-EV, CMF- BEV e CMF-EV - serão responsáveis por 90% dos 35 modelos até 2030. Para Renault-Nissan-Mitsubishi, as cinco plataformas resultarão na maior oferta global do setor.

  • O UOL Carros agora está no TikTok! Acompanhe vídeos divertidos, lançamentos e curiosidades sobre o universo automotivo.

Separadamente, a Mitsubishi lançará na Europa a nova geração do ASX, que compartilhará plataforma com Renault Captur e Nissan Juke, além de um novo carro não divulgado. Todos devem chegar ao mercado em 2023.

A Nissan por sua vez apresentará 23 eletrificados até 2030, não esclarecendo quantos destes serão 100% elétricos. Entretanto, foi confirmado que o próximo Nissan Micra (conhecido como March no Brasil) será elétrico e fabricado pela Renault. Um sucessor do Nissan Leaf também será lançado.

Já a Renault terá o Renault 5 supermini iniciando produção antes do final de 2022, com o SUV Renault 4ever e seu irmão LCV em 2024. Além dos elétricos, a Renault lançará um novo SUV de sete lugares baseado na plataforma CMF-D.

Para tornar os elétricos mais acessíveis, a aliança visa reduzir os custos da bateria em 50% em 2026 e em 65% até 2028, também tendo como objetivo o desenvolvimento de baterias em estado sólido. Este trabalho será capitaneado pela Nissan. A bateria irá reduzir o tempo de carregamento para um terço, e este produto deve chegar ao mercado em 2028.

Por fim, as marcas querem aumentar dos 3 milhões atuais para 25 milhões os veículos conectados ao Alliance Cloud até o ano de 2026.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.