PUBLICIDADE
Topo

Velha da Porsche: psicóloga viraliza nas redes ao acelerar seu carrão em SP

Anaclaudia Zani, de 52 anos, com a nora em prova de arrancada em Interlagos; psicóloga foi "descoberta" por youtuber que a chamou de "velha" enquanto ela dirigia seu 911 na Av. Europa - Reprodução
Anaclaudia Zani, de 52 anos, com a nora em prova de arrancada em Interlagos; psicóloga foi 'descoberta' por youtuber que a chamou de 'velha' enquanto ela dirigia seu 911 na Av. Europa
Imagem: Reprodução

Alessandro Reis

Do UOL, em São Paulo (SP)

11/11/2021 04h00Atualizada em 11/11/2021 15h29

Aos 52 anos, a psicóloga e neurocientista Anaclaudia Zani Ramos não imaginava que um passeio ao volante do seu Porsche 911 Carrera 2021 a tornaria famosa nas redes sociais.

A fama começou com o vídeo em que ela aparece dirigindo o esportivo na Avenida Europa - tradicional ponto de encontro de proprietários de carrões na capital paulista.

  • O UOL Carros agora está no TikTok! Acompanhe vídeos divertidos, lançamentos e curiosidades sobre o universo automotivo.

Na gravação, feita no fim de julho, o youtuber Rodrigo Novo, do canal DUB Brasil, surpreende-se ao ver a motorista:

"Era uma velha! Você viu? Era uma velha dirigindo um Porsche!", comenta.

Velha da Porsche - Reprodução - Reprodução
Anaclaudia e seu 911 no vídeo que viralizou, originalmente publicado pelo canal do YouTube DUB Brasil
Imagem: Reprodução

O vídeo viralizou e rendeu a Anaclaudia o apelido "Velha da Porsche". Longe de ser idosa, ela leva tudo na brincadeira e até se apropriou da alcunha.

"Não fico ofendida. É óbvio que não me sinto assim, mas estava treinando para este momento. Meu filho de 15 anos já me chama de velha há algum tempo", faz graça, durante entrevista para UOL Carros.

Foi por meio do outro filho, com 20 anos de idade, que a psicóloga descobriu o "xingamento" e não se fez de rogada: reproduziu o vídeo em sua conta no TikTok, acompanhado da frase "Ser velha tem suas vantagens" - segundo ela, a publicação já somava 1 milhão de acessos em cerca de três horas após ir ao ar. Até ontem, essa postagem acumulava 4,2 milhões de visualizações.

Velha da Porsche - Reprodução - Reprodução
Psicóloga acelera em Interlagos; ida a prova de arrancada aconteceu em agosto, a convite de youtuber
Imagem: Reprodução

Além disso, poucos dias depois, Anaclaudia voltou à Avenida Europa com seu Porsche para conhecer pessoalmente e "tirar satisfação" com o responsável pelo apelido. Para lá de amistoso, o encontro ficou registrado em outro vídeo do DUB Brasil, cujo dono acabou se tornando amigo da neurocientista - Rodrigo preferiu não conversar com nossa reportagem.

"O encontro com o DUB foi coisa do destino, temos vidas completamente diferentes. Fico pensando qual seria a chance de a gente se conhecer", pondera a dona do 911.

Na semana seguinte, os dois voltariam a se reunir, dessa vez na pista do Autódromo de Interlagos, onde Anaclaudia participou de um evento de arrancadas com seu cupê, a convite de Rodrigo.

Velha da Porsche - Reprodução - Reprodução
Psicóloga e neurocientista venceu as duas disputas das quais participou no autódromo paulistano
Imagem: Reprodução

"Nunca tinha participado de uma corrida nem usado capacete. Foi muito divertido".

Ela disputou contra um BMW Série 1 e um Chevrolet Camaro preparado e venceu as duas provas - algo que certamente contribuiu para aumentar sua fama.

Paixão por carros vem desde a infância

Velha da Porsche - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Anaclaudia Zani Ramos com seu Mustang, já vendido, e o BMW 330i que ainda mantém na garagem
Imagem: Arquivo pessoal

Anaclaudia Zani Ramos conta que "sempre" gostou de carro e, na juventude, já teve MP Lafer e Ford Escort XR3 conversível.

Segundo ela, a paixão por veículos bacanas veio por influência do pai, falecido. A psicóloga recorda que ele foi proprietário, dentre outros modelos, de Volkswagen Brasília e Variant, Ford Mustang e alguns carros da Mercedes-Benz.

Já adulta e casada, passou por uma fase de vacas magras. Recuperada financeiramente, comprou em 2019 um BMW 330i, que mantém até hoje na garagem. Naquele mesmo ano, por influência do filho mais velho, foi a hora de buscar veículos mais chamativos.

Psicóloga configurou seu Porsche 911 Carrera zero-quilômetro, que está com ela desde o ano passado - Reprodução - Reprodução
Psicóloga configurou seu Porsche 911 Carrera zero-quilômetro, que está com ela desde o ano passado
Imagem: Reprodução

"Meu filho ia todos os domingos para a Avenida Europa. Em um desses passeios, fui até lá para encontrá-lo e logo me deparei com um McLaren Senna. Perguntei a mim mesma como poderia entrar nesse rolê, queria essa experiência de estar ali com um carrão".

Nascia ali o gatilho que a faria comprar seu 911 no ano passado.

Antes dele, no ano anterior, adquiriu um Ford Mustang seminovo que apelidou de Maitê - ela dá nome a todos os seus carros.

Foi no Mustang que Anaclaudia foi filmada pela primeira vez na Avenida Europa, ainda sem ser identificada.

"Ninguém me via dentro, pois todos os vidros do carro tinham película escura".

Não levou muito tempo para a psicóloga vender o Mustang e encomendar o Carrera zero-quilômetro, devidamente configurado no site da fabricante. Foram cerca de oito meses de espera até a entrega do cupê, o qual chama carinhosamente de Mega.

Retirada de insulfilm acabou com anonimato

Velha da Porsche - Reprodução - Reprodução
Rodrigo Novo, do DUB Brasil, tornou-se amigo de Anaclaudia, que levou na esportiva o apelido dado por ele
Imagem: Reprodução

Cerca de duas semanas antes da gravação que a faria ser conhecida como a "Velha da Porsche", a neurocientista foi parada na mesma avenida pela polícia, devido à película aplicada no para-brisa - o que é proibido pela legislação de trânsito.

Ela conta que seguiu o que o policial determinou e isso fez com que, dias depois, fosse vista pelo DUB na mesma via.

Anaclaudia diz que não bebe nem fuma e gosta de manter seus carros originais, da mesma forma que o pai.

"O que mais gosto em um carro não é a velocidade e sim a experiência que ele entrega, como design, barulho, vibração. Meu Porsche, por exemplo, se destaca nesses quesitos, 'agarra' no chão e passa uma sensação de controle e segurança".

Velha da Porsche - Reprodução - Reprodução
Anaclaudia trabalha com neurociência e coaching para clientes em busca de metas específicas
Imagem: Reprodução

Mesmo assim, ela já faz planos para subir ainda mais o nível e considera trocar seu Carrera por um 911 mais potente ou até, em algum momento, partir para marcas como McLaren, Ferrari e Lamborghini.

"Já que só temos essa vida, quero aproveitar tudo que ela oferece. Eu estudo como o cérebro funciona. Muito daquilo que gente acha que não vai conseguir é a nossa mente que limita".

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Siga o UOL Carros no