PUBLICIDADE
Topo

Caoa Chery Arrizo 6 Pro: sedã médio está de cara nova e custa R$ 139.990

José Antonio Leme

Do UOL, em São Paulo (SP)

01/10/2021 10h30

Pouco mais de um ano após lançar o Arrizo 6 no mercado, em plena pandemia, a Caoa Chery decidiu trazer novidades para seu sedã médio e acelerou sua reestilização.

Além de um novo visual, o modelo ganhou equipamentos e um novo interior, o que também permitiu que o nome dessa versão fosse alterado: Arrizo 6 Pro. Produzido em Jacareí (SP), o sedã chega às lojas a partir de R$ 139.990, mas com preço especial de lançamento de R$ 134.990.

O modelo antigo continuará em produção e à venda, a versão GSX, que custa R$ 123.590 e já está na linha 2022.

Na dianteira, o Arrizo 6 Pro agora tem a nova linguagem visual que está presente em maior escala no Tiggo 8, SUV de sete lugares da montadora no Brasil.

A parte superior da grade está maior e os faróis são full-LEDs. A parte inferior, integrada ao para-choque, também foi alterada, bem como a moldura dos faróis de neblina de LED.

Na traseira também há novidades. As lanternas têm novo formato, mais retangulares e com uma barra refletiva que liga as duas lanternas, que também têm iluminação de LED.

A tampa do porta-malas perdeu o bico e ficou reta. O para-choque também foi alterado, tanto no formato quanto no posicionamento das falsas saídas de escape e nos refletivos.

Por dentro, o sedã também foi melhorado e mudou mais do que por fora. Os bancos dianteiros são novos e agora têm ajuste elétrico para o motorista, estão mais confortáveis e acomodam melhor os ocupantes nas laterais. Console central, painel e volante, agora com base achatada, também foram alterados.

Equipamentos

O painel de instrumentos agora é virtual com 10,25 polegadas, mesma medida da nova central multimídia - que, além da nova medida, passou a oferecer integração com Android Auto e Apple CarPlay por meio de cabo USB.

O sedã conta ainda com seis airbags e fixação Isofix, controles de tração e estabilidade, dois modos de condução: eco e sport, que altera a resposta do acelerador e câmbio e da direção.

Há ainda indicador de pressão do pneu, direção elétrica, além de controle de velocidade, sensor de obstáculos traseiro e volante com regulagem apenas de altura.

O Arrizo 6 Pro conta com câmeras 360º com nova função que aciona as câmeras quando a seta é ligada, mostrando o lado para o qual estamos virando.

A chave é presencial com partida por botão. Há ainda partida remota que aciona o motor e o ar-condicionado à distância. O sistema de ar-condicionado teve mudanças nos comandos, que ficaram minimalistas em relação aos anteriores e aumentaram um porta-objetos à frente do console, mas continua sem a função automática.

Por fim, há os alertas de ponto cego nos espelhos retrovisores, assim como freio elétrico de estacionamento com função Hold, que segura o carro nas paradas e ganhou ainda iluminação ambiente colorida, como no Tiggo 8.

Caoa Chery Arrizo 6 Pro - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Primeiras impressões

O conjunto mecânica do Arrizo 6 Pro é o mesmo do antigo, um bom motor 1.5 turboflex que rende até 150 cv e 21,4 mkgf com etanol. Com gasolina são 147 cv, mas o torque se mantém inalterado. Esse é o mesmo motor que equipa o Tiggo 5.

A transmissão é a automática CVT que simula nove velocidades e opção de trocas manuais pela própria alavanca de câmbio. Na prática, foi um casamento bastante feliz de motor e câmbio. O CVT tem um ajuste que, apesar de focado na economia, ainda entrega uma resposta ágil nas retomadas e acelerações.

O interior está mais prático, os bancos dianteiros estão mais agradáveis e confortáveis por longos trechos. O console central novo melhorou as ofertas de espaço e porta-objetos para quem vai na frente.

A posição de pilotagem é boa, mas poderia ser melhor se contasse com ajuste de distância do volante, o que iria permitir maior amplitude para diferentes públicos em termos de altura do motorista, por exemplo.

Para quem vai no banco de trás há bom espaço para dois adultos, com muito espaço. O terceiro ocupante, no meio, conta com uma saída de ar-condicionado e um túnel central um pouco elevado que vai atrapalhar um pouco.

O espaço de porta-malas foi mantido com os bons 570 litros de capacidade, muito acima de sedãs rivais e também da maioria dos SUVs, compactos ou médios.

A suspensão do Arrizo 6 Pro é o que já conhecemos e, perante seus rivais de segmento, Honda Civic e Toyota Corolla, ele está situado entre os dois - já que não é tão duro quanto o Civic ou tão macio quanto o Toyota.

Na prática isso agrada mais quem é fã de um sedã confortável do que de uma pegada mais esportiva. Mas, para o Brasil com estradas ruins, é mais do que ideal.

Caoa Chery Arrizo 6 Pro - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.