PUBLICIDADE
Topo

SUV de luxo e 'amigo' da natureza: conheça o carro de R$ 400 mil do Projota

Projota e Arthur Picoli na frente do Volvo XC60 do rapper - Reprodução
Projota e Arthur Picoli na frente do Volvo XC60 do rapper Imagem: Reprodução

José Antonio Leme

Do UOL, em São Paulo (SP)

30/09/2021 04h00

O rapper e ex-BBB Projota usou as redes sociais para postar uma foto com seu grande amigo de confinamento, Arthur Picoli, mas o que chamou a atenção foi o carro ao fundo.

O artista, que se tornou conhecido pela música e tem um gosto refinado por carros, apesar de cantar sobre seu antigo Celta vermelho, colocou na garagem outro veículo desta cor: um Volvo XC60.

Produzido na China pela marca sueca, o SUV médio parte de R$ 379.950 e pode chegar a R$ 439.950, dependendo da versão. Como a da foto o preço é de R$ 409.950.

O modelo se destaca por ser vendido unicamente com motorização híbrida. Isso significa que, além do motor a combustão, ele tem um elétrico e um jogo de baterias sob o assoalho. Isso permite rodar apenas no modo elétrico na cidade e recarregar a parte elétrica pela tomada.

O conjunto é formado por um 2.0 a gasolina, com turbo e compressor, que entrega 320 cv e 40,8 mkgf, e tem um elétrico que produz 87 cv e 24,5 mkgf. A potência combinada do carro é de 407 cv e 65,3 mkgf. O câmbio é automático de oito marchas e a tração nas quatro rodas.

Se a bateria estiver cheia, é possível rodar a velocidades de até 100 km/h usando apenas o modo elétrico. Graças a essa mistura de elétrico e combustão, o consumo divulgado para o modelo pelo Inmetro é de 20,4 km/l no ciclo urbano e 20 km/l no rodoviário.

Além disso, o SUV é bem completo para a proteção da família de Projota: tem frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres, alerta de ponto cego e de saída da faixa de rodagem com correção, além do controle de velocidade adaptativo, que pode ser usado em velocidades de até 130 km/h.

Um destaque dos SUVs da Volvo é que no banco traseiro ele já conta com um assento de elevação (buster) integrado ao banco. Assim, quando a criança está na idade de buster e não mais de cadeirinha, pode ir direto no banco, usando o cinto de segurança normal.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.