PUBLICIDADE
Topo

Após GM, Ford cobra funcionários a comprovarem vacinação nos EUA

Ford solicita a funcionários comprovante de vacinação nos EUA - Reprodução/Reuters
Ford solicita a funcionários comprovante de vacinação nos EUA Imagem: Reprodução/Reuters

Do UOL, em São Paulo (SP)

28/09/2021 18h04

Nesta terça-feira, a Ford foi a segunda montadora nos Estados Unidos a cobrar seus funcionários a apresentarem a comprovação de vacinação contra covid-19. A montadora deu o prazo de até 8 de outubro para que seus colaboradores mostrem o registro da imunização.

Essa movimentação é decorrente as medidas do governo Biden, que vem buscando maior abrangência da vacina na população. A Ford afirma que a necessidade de expor o comprovante é decorrente a levantamentos de dados dentro da instituição.

O diretor executivo da empresa, Jim Farley, disse em entrevista para a CNBC que a equipe de liderança da montadora já está imunizada. Ainda complementa: "Queremos que o maior número de funcionário da Ford esteja vacinado".

O sindicato trabalhista United Auto Workers (UAW,) resiste para que a documentação seja apresentada obrigatoriamente, buscando que a mesma seja declarada de forma espontânea. A General Motors, concorrente direta da Ford, já havia solicitado a situação da imunização de seus funcionários em agosto.