PUBLICIDADE
Topo

Hyundai diz que carros voadores serão realidade em 2030

Do UOL

Em São Paulo (SP)

30/06/2021 10h50

A Hyundai reafirmou seu compromisso com carros voadores. A meta é que a montadora já esteja operando em 2030. A informação é de Michael Cole, chefe de operações da marca coreana no continente europeu. Falando ao The Guardian, ele disse que a empresa fez "investimentos significativos" na área de carros voadores e acredita que "isso realmente fará parte do futuro".

No entanto, primeiramente os veículos voadores não serão carros de passageiros normais, e sim táxis aéreos. Os modelos também não lembram muito a estética de carros normais por fora, ficando mais entre helicópteros e drones.

Prometendo a novidade para 2030, Cole manteve os pés no chão, dizendo que "ainda falta algum tempo antes que possamos realmente decolar", mas foi otimista para os próximos anos.

"Achamos que na última parte desta década, certamente, a mobilidade aérea urbana oferecerá uma grande oportunidade para liberar os congestionamentos das cidades, para ajudar com as emissões, seja a mobilidade intraurbana no ar ou seja entre as cidades".

A Hyundai já chegou a dizer por meio de seu CEO da América do Norte, Jose Muñoz, neste ano que estes serviços poderiam ser oferecidos em 2025. A fala de Cole dá mais alguns anos para a montadora.

A empresa financeira Morgan Stanley calcula que este mercado possa valer cerca de US$ 1 trilhão até 2040. A Hyundai prometeu investir US$ 1,5 bilhão no mercado de carros voadores de 2019 até 2025. Marcas como Toyota, Daimler e Geely são outras que também estão investindo nesta corrida tecnológica.