PUBLICIDADE
Topo

Pego em alta velocidade, jovem acumula multa de R$ 50 mil em 11 minutos

Jovem é pego em alta velocidade por câmera térmica na Austrália - Divulgação
Jovem é pego em alta velocidade por câmera térmica na Austrália Imagem: Divulgação

Do UOL

Em São Paulo (SP)

23/06/2021 14h20

Um jovem motorista de 23 anos da cidade australiana de Sydney foi parado pela polícia local recentemente após ter acumulado o equivalente a R$ 50 mil em multas em apenas 11 minutos, de acordo com a publicação Car Advice. Ele guiava um Subaru BRZ, e foi flagrado por um helicóptero de polícia que fazia uma patrulha de rotina.

Tudo foi capturado por uma câmera térmica presente na aeronave, com isso a patrulha rodoviária foi alertada e parou o jovem. Após autuá-lo, os oficiais constataram que o motorista tinha uma habilitação provisória.

"Os policiais da patrulha rodoviária revisaram a gravação do PolAir (helicóptero) e puderam verificar que o motorista do Subaru BRZ excedeu a velocidade em menos de 10 km/h uma vez, mais de 10 km/h uma vez, mais de 20 km/h seis vezes, mais de 30 km/h duas vezes e mais de 45 km/h duas vezes."

Assim, a polícia confirmou que isso equivaleria a cerca de R$ 50 mil na conversão atual em multas, e ainda "um total de 50 pontos de demérito em apenas 11 minutos de condução."

Entretanto, como praxe a polícia australiana tende a acumular multas desta maneira, e raramente elas são emitidas assim. Desta forma, efetivamente o motorista deverá ser acusado de "dirigir em alta velocidade/de maneira perigosa para o público" e enfrentará a Justiça no dia 27 de julho. Sua multa potencial máxima para o delito declarado poderá ser muito menor, apenas US$ 2.200 (cerca de R$ 11 mil).

Porém, o motorista também pode ser preso por até nove meses e ter a habilitação cassada por um ano.