PUBLICIDADE
Topo

Testamos: Mercedes-AMG A45 mostra porque hatches esportivos são tão legais

Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo (SP)

03/12/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Hatch esportivo está à venda por R$ 434.900
  • A 45 S é movido por motor 2.0 turbo com 421 cv
  • Carro vai de 0 a 100 km/h em 3,9 segundos e chega aos 270 km/h

Quando não está acumulando vitórias pelo mundo, Lewis Hamilton usa um EQC para se locomover por aí. Sem dúvida uma boa escolha, ainda mais para uma figura pública tão engajada em causas sociais.

Mas, se o heptacampeão mundial de Fórmula 1 me permitir, gostaria de sugerir uma troca - ou pelo menos uma nova aquisição. Se eu fosse ele, escolheria um A 45 AMG, que está à venda por R$ 434.900.

É claro que o W11 de Hamilton é infinitamente mais possante, mas eu ficaria feliz da vida com o A 45. Duvido que você pensaria diferente: é impossível não se divertir com o hatch de 421 cv e 51 kgfm que parece grudado no chão.

Feito sob medida

A 45 2 - Divulgação - Divulgação
Volante tem empunhadura boa e posição de dirigir é elogiável
Imagem: Divulgação

Foi por isso que tentei aproveitar ao máximo minhas cinco voltas no Autódromo de Interlagos, mesmo local onde Lewis celebrou duas de suas 95 vitórias na Fórmula 1.

Para minha sorte não foi difícil encontrar a posição certa no A 45. O banco do tipo concha "abraça" muito bem o corpo e a posição de dirigir está entre as melhores que já vi. Parece que alguém tirou minhas medidas antes de construir o carro.

A 45 3 - Divulgação - Divulgação
Hatch esportivo está à venda por R$ 434.900
Imagem: Divulgação

O volante de diâmetro pequeno e boa empunhadura traz vistosas aletas para trocas de marcha sequenciais. São elas que fazem seu corpo ser jogado para trás com força violenta a cada toque do lado direito.

As marchas sobem com rapidez, graças à transmissão automatizada de dupla embreagem de oito velocidades. A caixa também vem com a função de dupla debreagem nas reduções.

Palmas para o som

A 45 4 - Divulgação - Divulgação
Carro vai de 0 a 100 km/h em menos de 4 segundos
Imagem: Divulgação

Das quatro grandes saídas de escapamento sai um ronco encorpado, que é intercalado por um estampido forte a cada troca. Essa trilha sonora incentiva o motorista a pisar fundo, e nem precisa de muito. São 3,9 segundos para ir de 0 a 100 km/h e a velocidade máxima é limitada eletronicamente a 270 km/h.

Confesso que não passei dos 210 km/h, mas não foi por falta de capacidade da máquina - e sim pela do piloto mesmo. Os freios contam com discos ventilados e seis pistões nas pinças de freio dianteiras. Resultado: o carro estanca sem dificuldades.

Ao volante o hatch é bastante obediente e tem direção muito direta. A suspensão possui calibragem firme, que pareceu muito acertada no autódromo, mas pode ser um pouco desconfortável no uso diário.

Conforto de Mercedes

A 45 5 - Divulgação - Divulgação
Conforto e tecnologia fazem jus à tradição da marca
Imagem: Divulgação

Mas, como até Hamilton não gosta de correr o tempo todo, o A 45 S traz confortos que honram sua origem Mercedes.

Os bancos dianteiros trazem regulagens elétricas e o painel digital pode vir com head up display, oferecido de série no CLA 45 S. A central multimídia MBUX funciona como no restante da gama, incluindo a assistente pessoal que é ativada ao comando de voz "Oi, Mercedes" - e a qualquer menção ao nome "Mercedes". Por meio dela é possível realizar tarefas como regular a temperatura do ar-condicionado, mudar a estação do rádio e abrir ou fechar a persiana do teto solar.

O sistema de tração integral é capaz de distribuir a força entre os eixos dianteiro e traseiro. Existe ainda a função Drift, que pode ser habilitada para uso em pistas por meio do seletor de modos de condução, posicionado em um botão giratório no volante.

Só assim mesmo para me sentir na pele de um piloto da Mercedes. Até porque falta muita coisa para ser como Lewis Hamilton. Principalmente o talento e sete títulos mundiais.