PUBLICIDADE
Topo

Como Ferrari roubada há mais de 25 anos foi resgatada por mergulhadores

Ferrari Mondial 1987 perdida em rio na Holanda - Reprdução
Ferrari Mondial 1987 perdida em rio na Holanda Imagem: Reprdução

Do UOL

Em São Paulo (SP)

24/07/2020 14h24

É caso inusitado que você quer? Durante um treinamento, bombeiros holandeses acabaram se deparando com um objeto vermelho grande em uma hidrovia de Amsterdã. Olhando melhor, os profissionais viram que não era um objeto qualquer, e sim uma Ferrari Mondial 1987, que havia desaparecido em 1994 e dada como caso perdido.

Isso ocorreu em 17 de junho, e apenas no dia 29 a polícia foi ao local para tentar trazer o modelo de volta para a superfície. No entanto, com os recursos disponíveis a polícia não conseguiu tirar o carro d'água, e chamou o Ministério da Defesa holandês. Apenas em 8 de julho uma megaoperação foi montada com os bombeiros e militares para retirar o carro roubado da hidrovia.

Com as pistas frias e após uma perícia, o caso de 26 anos foi finalmente fechado. Além do roubo, não houve mais nenhum crime tendo ligação com o carro - que deverá permanecer em um ferro-velho.

"Colocamos o carro para exibição em nossa empresa por enquanto, há muito interesse nele", disse a De Ooyevaar Autodemontage, ferro-velho onde a Ferrari está localizada, à publicação "The Drive".

"O problema é que não temos ainda permissão para vender o carro completo. No entanto, quando ele puder ir a um museu, o governo abrirá uma exceção e nos permitirá vender. Se não conseguirmos encontrar um museu disposto a exibir o carro, seremos forçados a desmontá-lo em partes."

"A maioria das peças não pode ser usadas em outro carro, mas muitos colecionadores estão dispostos a comprar peças para transformar em itens colecionáveis e móveis. Por exemplo: podem querer transformar o motor em uma mesa com uma placa de vidro em cima".

Na época, o proprietário teve o valor do carro pago por seu seguro.