PUBLICIDADE
Topo

Concessionária destrói Corvette de R$ 300 mil ao colocá-lo em elevador

Concessionária destrói Corvette C8 - Divulgação
Concessionária destrói Corvette C8 Imagem: Divulgação

Do UOL

Em São Paulo (SP)

16/07/2020 11h00

Imagine só: você comprou o novo Chevrolet Corvette de motor central, rodou apenas 5.502 km com ele e o levou de volta à concessionária para um serviço pequeno. Só que aí, quando você vai ver, seu amado carro está destruído.

Nos Estados Unidos, o modelo tem preços sugeridos a partir de US$ 55,9 mil ou R$ 300 mil na conversão direta, segundo o câmbio de hoje.

Foi o que aconteceu em Jacksonville, no estado norte-americano da Flórida. Proprietário de um Corvette 2020, Jake Miller o levou a uma concessionária e o carro acabou sendo bastante avariado no meio do serviço. Uma foto do modelo acabou vazando e viralizando dias depois sem o consentimento dele. No fim, ele explicou o ocorrido.

Miller esclareceu que o elevador no qual o modelo estava não quebrou, e sim que os técnicos que trabalhavam no veículo não souberam os pontos de apoio corretos para erguer o modelo, com isso ele acabou caindo. É uma teoria plausível, já que o novo Corvette mudou sua distribuição de peso.

Com isso, o modelo atualmente está parado, provavelmente devido a uma constatação de perda total.

Entretanto, o carro agora será leiloado pela empresa Copart. É possível ver pelas imagens um dano grande na porta do passageiro e na parte dianteira do veículo. A parte traseira aparenta não ter sido tão avariada, o que é um indicativo de que o motor não foi afetado. Ou seja, pode ser que o modelo ainda tenha peças para aproveitar.