PUBLICIDADE
Topo

Nissan nega fim de aliança com Renault e Mitsubishi

Nissan Frontier - Murilo Góes/UOL
Nissan Frontier
Imagem: Murilo Góes/UOL

Do UOL, em São Paulo (SP)

14/01/2020 09h40

Resumo da notícia

  • Marca japonesa disse que aliança é sua "fonte de competitividade"
  • Ações das marcas da aliança caíram após boatos de separação
  • Empresas vivem momentos conturbados depois de prisão de Ghosn

A Nissan negou hoje (14) que pretende encerrar a aliança com a Renault.

"Ao contrário do que foi dito em várias notícias na imprensa internacional, a Nissan não está considerando encerrar a aliança (com a Renault)", afirmou a empresa em comunicado oficial.

"Nissan, Renault e Mitsubishi Motors estabeleceram um conselho operacional da aliança em março de 2019 para discutir melhorias e solidificar o sucesso futuro. Encontros são realizados mensalmente, e eles são fundamentais para o bom andamento da aliança. Em novembro do ano passado, os membros do conselho concordaram em estabelecer programas para aprimorar e acelerar a eficiência operacional da aliança", diz o comunicado assinado pelos japoneses.

"A aliança é a fonte da competitividade da Nissan e por meio dela vamos atingir um crescimento sustentável e lucrativo. A Nissan seguirá buscando um crescimento que seja benéfico para todas as partes envolvidas", concluiu.

Meu carro