PUBLICIDADE
Topo

GM lança Equinox com motor 1.5 turbo; Ford rebate com Territory argentino

Equinox 1.5 turbo é nova versão de entrada do SUV feito no México - Divulgação
Equinox 1.5 turbo é nova versão de entrada do SUV feito no México
Imagem: Divulgação

Fernando Calmon e Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo (SP)

04/12/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Equinox, enfim, terá versão especial Midnight
  • Motor 1.5 turbo de 170 cv também será novidade no SUV da GM
  • Ford contra-ataca com Territory e Escape

Foi em dezembro do ano passado que a Chevrolet anunciou a estreia de 11 modelos no mercado brasileiro em 2019.

Estamos a pouco mais de um mês para o fim deste ano e a fabricante já confirmou 10 lançamentos. Falta apenas o 11º, e UOL Carros pode afirmar que será o Equinox com motor 1.5 turbo.

O modelo será apresentado na próxima quinta-feira (5) ao lado de outra variação do SUV médio: trata-se da versão Midnight, que esteve na última edição do Salão do Automóvel de São Paulo, realizada em 2018.

O Equinox 1.5 entrega 172 cv a 5.600 rpm e torque máximo de 28 kgfm a 1.500 rpm. O câmbio é automático de seis velocidades e a tração é dianteira. A expectativa é que a nova motorização seja oferecida nas versões LT e Premier.

Equinox Midnight - Divulgação - Divulgação
Versão Midnight foi apresentada no Salão de SP de 2018
Imagem: Divulgação

Mas a GM não vai parar por aí. O novo Tracker está mais do que confirmado para o ano que vem e vários protótipos já foram flagrados circulando por aí com leves disfarces.

Nossas fontes afirmam que, além do 1-litro turbo que equipa o Onix, o SUV compacto ainda terá um 1,2-litro turbo. Em suma, ele nada mais é do que uma variação do 1,3-litro turbinado que equipa os modelos vendidos na China. Por aqui, estima-se que o novo motor deve entregar potência em torno de 150 cv.

Porte médio

Além do Tracker, a Chevrolet também lançará um SUV de porte médio para rivalizar com Jeep Compass e o futuro Volkswagen Tarek - que deve ter outro nome no Brasil e na Argentina onde será fabricado até o final do próximo ano, aliás.

Diante deste cenário, a GM apostará em um modelo com porte (e quem sabe até baseado) no Trailblazer recém-revelado no Salão de Los Angeles.

Chevrolet Trailblazer EUA 1 - Vitor Matsubara/UOL - Vitor Matsubara/UOL
O nome é o mesmo, mas o Trailblazer americano é bem diferente do xará
Imagem: Vitor Matsubara/UOL

Apesar do nome conhecido, o modelo que será vendido nos EUA nada tem a ver com o nosso Trailblazer, que é derivado da S10. O xará americano é praticamente igual ao vendido no mercado chinês - que por sua vez aproveita a base conhecida pela sigla GEM (de Global Emerging Markets, ou Mercados Emergentes Globais), da qual também saem Onix e Onix Plus.

Chevrolet Trailblazer 2 - Vitor Matsubara/UOL - Vitor Matsubara/UOL
SUV será posicionado entre Tracker e Equinox
Imagem: Vitor Matsubara/UOL

Por ter porte maior e custar menos, a tendência é que futuramente o Trailblazer aposente o SUV compacto conhecido nos EUA como Trax.

Ford também investe

Se a Chevrolet vai ampliar a linha Equinox, a Ford não pretende ficar para trás. Esta lançará dois novos modelos no ano que vem, e um terceiro ainda pode vir.

Ford Territory - Murilo Góes/UOL - Murilo Góes/UOL
Territory será importado da China a partir de 2020
Imagem: Murilo Góes/UOL

O exaustivamente anunciado Territory estreia no país em 2020. Como já dito, o SUV será importado da China em um primeiro momento.

Porém, fontes do mercado afirmam que o modelo deve ser produzido na Argentina em um prazo alinhado à recuperação econômica do paí vizinho. Fornecedores, inclusive, já começaram a ser procurados pela empresa em solo argentino.

Ford Territory (traseira) - Divulgação/Ford - Divulgação/Ford
SUV pode ser fabricado na Argentina nos próximos anos
Imagem: Divulgação/Ford

A marca só ainda não bateu o martelo para a produção na fábrica de Pacheco por conta da transição de governos após a eleição presidencial.

Já o Escape vive um caso de amor com o Brasil. Tudo começou quando a Ford levou um pequeno grupo de jornalistas para conhecê-lo nos EUA.

Ford Escape 1 - Newspress - Newspress
Escape deve ser importado para o Brasil em versão híbrida plug-in
Imagem: Newspress

O segundo indício surgiu recentemente, quando a fabricante admitiu que a chegada do SUV ao Brasil "está ficando cada vez mais quente".

Ford Escape Hybrid - Vitor Matsubara/UOL - Vitor Matsubara/UOL
Versão híbrida do Escape ainda não foi lançada nos Estados Unidos
Imagem: Vitor Matsubara/UOL

Se realmente aportar por aqui, o modelo deve ser vendido na versão híbrida plug-in, que será lançada no mercado norte-americano apenas em meados de 2020.