Topo

Testes e lançamentos


Fiat lança 2 SUVs com motor turbo e câmbio CVT em 2021, revela executivo

Este mês, Fiat apresentou versão em argila de novo SUV que a marca vai lançar em 2021; será "muito parecido" com o conceito Fastback - Fernando Miragaya/UOL
Este mês, Fiat apresentou versão em argila de novo SUV que a marca vai lançar em 2021; será "muito parecido" com o conceito Fastback
Imagem: Fernando Miragaya/UOL

Do UOL

Em São Paulo (SP)

25/08/2019 12h47

Resumo da notícia

  • Antonio Filosa confirmou informações a jornalista mineiro
  • SUVs vão atuar em segmentos diferentes, diz presidente da FCA na América Latina
  • Um dos modelos inéditos será "muito parecido" com o conceito Fastback

Antonio Filosa, presidente da FCA (Fiat Chrysler) para a América Latina, confirmou que a Fiat vai lançar dois SUVs inéditos no Brasil em 2021, que terão motor turbo da família Firefly e opção de câmbio CVT. A informação foi revelada ao jornalista Marcelo Iglesias Ramos, do jornal "Hoje em Dia" e que mantém o canal "Garagem do Jabulas" no Youtube.

"Teremos dois SUVs da Fiat, cada um em um segmento específico", revelou o executivo em entrevista. Filosa disse, ainda, que a Fiat terá "transmissão automática nova, muita inovação tecnológica e produtos que vão completar nossa gama lá em 2021".

Questionado se o novo câmbio seria convencional, com conversor de torque, Filosa revelou que a transmissão será CVT, seguindo o mesmo caminho de marcas japonesas como Honda e Toyota, que têm apostado nessa tecnologia nos seus produtos recentes.

Segundo Filosa, um dos novos SUVs "será muito parecido" com o conceito Fastback, que a Fiat apresentou no ano passado durante o Salão do Automóvel de São Paulo - e exibiu este mês em evento no centro de design da marca, em Betim (MG). Esse utilitário esportivo vai utilizar a mesma base da picape Toro, exibindo dianteira muito semelhante, e perfil de cupê, com caimento mais acentuado do teto na altura da tampa do porta-malas.

Quanto ao outro SUV, ele não deu detalhes.

Em relação aos motores, em maio passado a FCA anunciou investimento de R$ 500 milhões para fabricar os novos 1.0 e 1.3 turbo na fábrica de Betim.

As unidades turbo, dotadas de injeção direta e tecnologia flex, serão uma evolução dos atuais motores Firefly 1.0 de três cilindros e 1.3 de quatro cilindros. Espera-se que esses motores entreguem, respectivamente, 120 cv e 20 kgfm e 150 cv e 25 kgfm, aproximadamente.

Por enquanto, a FCA não revela os números oficiais de performance. Antonio Filosa já havia confirmado a UOL Carros que os novos motores serão usados tanto em modelos da Jeep quanto da Fiat. A produção da linha turbo começa no último quadrimestre de 2020 - portanto, bem a tempo de estrear em seguida nos inéditos utilitários esportivos da Fiat.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Mais Testes e lançamentos