Topo

Segredos automotivos


Perto de estrear, Chevrolet Tracker 2020 acelera novo motor turbo; assista

João Anacleto

Colaboração para UOL Carros, em São Paulo (SP)

22/08/2019 11h19

Apresentado em junho na China, o novo Chevrolet Tracker emergiu com traços marcantes e parecidos com os do novo Blazer americano e plataforma desenvolvida no país asiático, em parceria com a SAIC. A exemplo do Onix, a nova geração do SUV compacto está perto de ser lançada no Brasil.

Prova disso são as imagens obtidas por UOL Carros de duas unidades de teste ainda camufladas e flagradas no ABC paulista, perto da fábrica da GM. Uma foi avistada à noite pelo leitor Vitor Zanini, com direito a vídeo, e outra, fotografada em um posto de gasolina por Marcus Carvalho.

Quando chegar às concessionárias, em 2020, o novo Tracker terá mais espaço entre os eixos (cerca de 2 cm) e também no comprimento (1,5 cm) e na largura (1,5 cm). Serão ao todo 4,27 m de comprimento, 1,60 m de altura e 1,79 m de largura. O porta-malas, por sua vez, cresce para 390 litros, contra os atuais 306 litros.

Próxima geração do Tracker foi desenvolvida na China sobre a mesma base do novo Chevrolet Onix - Marcus Carvalho/Arquivo pessoal
Próxima geração do Tracker foi desenvolvida na China sobre a mesma base do novo Chevrolet Onix
Imagem: Marcus Carvalho/Arquivo pessoal

De certo, os faróis espichados e a imensa grade dianteira deverão abocanhar consumidores regidos pelos olhos. A traseira também recebeu novas tampa, para-choque e, especialmente, lanternas que se apoiam no limite entre a lataria e o vidro traseiro.

Sob o capô, virá o novo motor1.0 turbo, com 3 cilindros, responsável por entregar 125 cv e 18,3 mkgf de torque. Esse será o carro-chefe nas vendas. Com preços entre R$ 90 mil e R$ 105 mil, a nova geração do Tracker vai mirar a veia de quem se apeteceu pelos encantos do VW T-Cross 200 TSI e pelas versões aspiradas do Honda HR-V.

Camuflagem esconde, mas dianteira terá faróis espichados e a imensa grade para cativar pelo design - Vitor Zanini/Arquivo pessoal
Camuflagem esconde, mas dianteira terá faróis espichados e a imensa grade para cativar pelo design
Imagem: Vitor Zanini/Arquivo pessoal

Há, ainda, a possibilidade de o SUV compacto se apresentar com motor 1.3 turbo, com potência na casa dos 165 cv, que deve trabalhar nas versões mais equipadas e ter preço a partir de R$ 115 mil. Com isso, ele preencheria o espaço entre R$ 109 mil, valor cobrado pelo Tracker Premier atual, e R$ 151.390, correspondentes à versão de entrada do Equinox - SUV médio da marca.

Não há informações sobre a chegada dos novos Trailblazer e Blazer, igualmente lançados na China, sempre feitos sobre a plataforma GEM, desenvolvida especialmente para países emergentes onde a marca produz.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Segredos automotivos