Topo

Testes e lançamentos


Chevrolet Cobalt chega à linha 2020 sem mudanças e mais caro: R$ 68.490

Sedã preserva visual da reestilização de 2015 - Divulgação
Sedã preserva visual da reestilização de 2015
Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo (SP)

02/06/2019 12h45

Resumo da notícia

  • Aumentos chegam a R$ 600 frente à linha 2019
  • Sedã lançado em 2009 foi reestilizado há quatro anos
  • Motorização é a mesma 1.8 de até 111 cv

A Chevrolet já vende a linha 2020 do Cobalt. O veterano modelo desembarca nas concessionárias sem novidades visuais nem de conteúdo. Porém, o sedã ficou mais caro: a versão LTZ parte de R$ 68.490 (um aumento de R$ 500 frente ao modelo 2019), enquanto a topo de gama Elite custa R$ 79.190 -- um incremento de R$ 600 no valor final.

O Cobalt preserva o mesmo visual de 2015, quando ganhou linhas mais harmoniosas em relação ao projeto original revelado em 2011. Nada mudou também na lista de equipamentos: a versão LTZ oferece central multimídia MyLink com tela de sete polegadas e suporte a Android Auto e Apple CarPlay, ar-condicionado, banco do motorista com regulagem de altura, controle de velocidade de cruzeiro, chave do tipo canivete, direção elétrica, espelhos retrovisores com ajustes elétricos, faróis de neblina, ganchos para fixação de cadeirinhas Isofix, rodas de liga leve de 15 polegadas e vidros e travas elétricas.

Já a versão Elite acrescenta câmera de ré, rodas de liga leve de 15" com desenho exclusivo, sensor crepuscular, sensores de estacionamento traseiros, sensor de chuva e banco traseiro bipartido.

A motorização é a mesma 1.8 SPE/4 de até 111 cv quando abastecido com etanol. São duas opções de transmissão: manual de cinco marchas e automática de seis velocidades.

Vale lembrar que o Cobalt perderá espaço com a chegada iminente do Onix Sedan, prevista para acontecer até o fim deste ano. Maior e mais moderno, o novo sedã deve roubar mercado do veterano Cobalt, que pode seguir em linha para atender o mercado de vendas diretas.

Montana também não muda e fica mais cara

Picape também não vê novidades há anos - Divulgação
Picape também não vê novidades há anos
Imagem: Divulgação

Não foi só o Cobalt que ganhou um preço mais salgado. A Montana 2020 também já está nas lojas por R$ 54.290 na versão LT e R$ 65.090 na configuração Sport -- alta de até R$ 1.100.

A picape baseada no extinto Agile é a mesma desde 2010, assim como o motor 1.4 de até 99 cv. Se serve de consolo, a capacidade de carga de 756 kg é a maior do segmento, superando as rivais Fiat Strada e VW Saveiro.

Mais Testes e lançamentos