PUBLICIDADE
Topo

Hyundai HB20 2020

Preços, versões e tudo o que você precisa saber sobre o hatch

Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo (SP)

13/06/2020 04h00

Não é exagero dizer que o Hyundai HB20 causou uma revolução no segmento de compactos no Brasil. Desde seu lançamento, em 2012, o hatch estabeleceu um novo patamar de qualidade entre os carros de entrada do país.

O HB20 trazia design moderno, ótimo nível de acabamento e conectividade com a central multimídia - que foi popularizada juntamente com o rival Chevrolet Onix. As linhas atraentes e a boa relação custo-benefício fizeram do modelo mais barato da Hyundai um verdadeiro sucesso no mercado nacional.

Em 2015, toda a linha HB20 (composta ainda pelo sedã HB20S e pelo aventureiro HB20X) passou pela primeira reestilização. Mudaram grade frontal, para-choques e lanternas, mas o "pacote completo" das alterações era oferecido apenas na versão Premium.

Quatro anos depois, a Hyundai apresentou o novo HB20. Contrariando a expectativa, a fabricante apostou em um desenho ousado com inspiração no conceito Saga EV. A decisão dividiu opiniões: houve quem gostasse e quem odiasse o estilo do novo hatch.

As principais críticas foram feitas ao desenho da dianteira, que traz uma grade bem mais larga e em posição mais baixa do que antes. Nas motorizações, a maior novidade foi a estreia do renovado 1.0 turbo da linha Kappa, que teve evoluções como a adoção de injeção direta de combustível para ficar mais potente e econômico.

O que mudou na linha 2021:

A Hyundai já anunciou algumas novidades para a linha 2021 do HB20, mesmo com menos de um ano nas lojas.

Todas as configurações com motor 1.0 (Sense, Vision e Evolution) agora vêm com a moldura da grade frontal na cor preta. Além disso, as versões Vision e Evolution saem de fábrica com as mesmas lanternas do HB20X.

A lista de equipamentos opcionais também ganhou um reforço do "Pacote de Segurança", vendido por R$ 1.000. Na versão Sense, o carro ganha controles de tração e de estabilidade e airbags laterais. Na Evolution, que já tinha os controles de tração e de estabilidade, o pacote inclui airbags laterais e câmera de ré.

Como UOL Carros avaliou

Assim como fez em 2012, o HB20 tem tudo para estabelecer um novo patamar de qualidade entre os compactos de entrada no país. A segunda geração evoluiu bastante em conteúdo, tecnologia e desempenho.

O hatch se destaca ao trazer frenagem autônoma de emergência pela primeira vez na categoria, além dos controles de estabilidade e de tração e assistência de partida em rampas. Porém, a Hyundai poderia investir mais ainda em segurança se equipasse o compacto com os 6 airbags oferecidos de série em toda a linha Onix - há apenas 4 bolsas infláveis, e apenas nas versões mais caras.
O grande destaque do novo HB20 é o motor 1.0 turbo. Baseado no antigo Kappa turbinado, ele ganhou injeção direta e outras melhorias. Entrega 120 cv e torque máximo de 17,5 kgfm.

As respostas são ágeis na cidade e o carro anda muito bem na estrada, a ponto de ser difícil perceber que você está andando rápido demais.

O câmbio de seis marchas é bem escalonado, mas o nível de ruído é alto demais nas acelerações. As vibrações do motor de três cilindros são excessivas - mais do que nos outros rivais.

O lado ruim é que as melhorias desta nova geração vieram acompanhadas de um preço bastante salgado, que coloca o HB20 em desvantagem frente aos rivais e até diante de modelos de categorias superiores.

Dimensões: comprimento, 3,94 m; largura, 1,72 m; altura, 1,47 m; entre-eixos, 2,53 m

Porta-malas: 300 litros

Tanque: 50 litros

Versões:

1.0 Sense

Preço: R$ 47.990

Motor: 1.0, 3 cilindros, flex

Câmbio: manual de 5 marchas

Potência: 80 cv / 75 cv a 6.000 rpm

Torque: 10,2 kgfm / 9,4 kgfm a 4.500 rpm

Consumo (urb./rod.): 9,1 km/l / 10,1 km/l (etanol) - 12,8 km/l /14,6 km/l (gas.)

Itens de série: direção elétrica, ar-condicionado, volante multifuncional, vidros dianteiros elétricos, rodas de aço de 14 polegadas com calotas, ganchos para fixação de cadeirinha Isofix, travas elétricas, limpador e desembaçador traseiro, banco do motorista com ajuste de altura, computador de bordo, espelho de cortesia, tomada de 12 volts no console central e rádio blueAudio com conexão Bluetooth e entrada USB.

Opcional:

Sense Pack (R$ 1.000): airbags laterais frontais, controles de estabilidade e de tração, assistente de partida em rampa e sinalização de frenagem de emergência,

1.0 Vision

Preço: R$ 51.590

Motor: 1.0, 3 cilindros, flex

Câmbio: manual de 5 marchas

Potência: 80 cv / 75 cv a 6.000 rpm

Torque: 10,2 kgfm / 9,4 kgfm a 4.500 rpm

Consumo (urb./rod.): 9,1 km/l / 10,1 km/l (etanol) - 12,8 km/l /14,6 km/l (gas.)

Itens de série: mesmos da versão Sense mais rodas de aço de 15 polegadas com calotas, vidros elétricos nas quatro portas com função one-touch (apenas para o motorista), central multimídia com tela tátil de oito polegadas, entrada USB e alarme.

Opcionais:

Vision Pack (R$ 1.000): airbags laterais frontais, controles de estabilidade e de tração, assistente de partida em rampa e sinalização de frenagem de emergência,

1.0 Evolution

Preço: R$ 54.990

Motor: 1.0, 3 cilindros, flex

Câmbio: manual de 5 marchas

Potência: 80 cv / 75 cv a 6.000 rpm

Torque: 10,2 kgfm / 9,4 kgfm a 4.500 rpm

Consumo (urb./rod.): 9,1 km/l / 10,1 km/l (etanol) - 12,8 km/l /14,6 km/l (gas.)

Itens de série: mesmos itens da Vision mais sensores de estacionamento traseiros, rodas de liga leve de 15 polegadas, controles de estabilidade e de tração, assistente de partida em rampas, acendimento automático dos faróis, coluna de direção com regulagens de altura e profundidade, sinalização de frenagem de emergência, ar-condicionado digital, vidros elétricos com função one-touch em todas as portas, abertura e fechamento dos vidros pela chave e painel de instrumentos com tela digital.

Opcionais:

Evolution Pack (R$ 1.000): airbags laterais, câmera de ré e sinalização de frenagem de emergência.

1.6 Vision

Preço: R$ 59.990 (manual) / R$ 64.590 (aut.)

Motor: 1.6, 16V, 4 cilindros, flex

Câmbio: manual de 6 marchas ou automático de seis marchas

Potência: 130 cv / 123 cv a 6.000 rpm

Torque: 16,5 kgfm / 16 kgfm a 4.500 rpm

Consumo (urb./rod.): 8,6 km/l / 10,3 km/l (etanol) - 12,5 km/l /14,7 km/l (gas.)

Itens de série: mesmos itens da versão Vision 1.0 mais central multimídia com tela tátil de oito polegadas; versão automática inclui ainda piloto automático com limitador de velocidade e apoio de braço para o motorista.

1.0 turbo Evolution

Preço: R$ 67.190

Motor: 1.0, 12V, 3 cilindros, turbo, flex

Câmbio: automático de 6 marchas

Potência: 120 cv (etanol / gas.) a 6.000 rpm

Torque: 17,5 kgfm (etanol / gas.) a 1.500 rpm

Consumo (urb./rod.): 8,2 km/l / 10,2 km/l (etanol) - 11,8 km/l /14,2 km/l (gas.)

Itens de série: mesmos itens da versão Evolution 1.0 mais rodas de liga leve de 15 polegadas com acabamento diamantado, piloto automático com limitador de velocidade e apoio de braço para o motorista.

1.0 turbo Diamond

Preço: R$ 73.590

Motor: 1.0, 12V, 3 cilindros, turbo, flex

Câmbio: automático de 6 marchas

Potência: 120 cv (etanol / gas.) a 6.000 rpm

Torque: 17,5 kgfm (etanol / gas.) a 1.500 rpm

Consumo (urb./rod.): 8,2 km/l / 10,2 km/l (etanol) - 11,8 km/l /14,2 km/l (gas.)

Itens de série: mesmos itens da versão Evolution 1.0 turbo mais airbags laterais, partida do motor por botão, faróis com projetor e luz diurna em LED, acendimento automático dos faróis, paddle shifts para trocas sequenciais, câmera de ré, sistema start-stop e volante com acabamento premium.

1.0 turbo Diamond Plus

Preço: R$ 77.990

Motor: 1.0, 12V, 3 cilindros, turbo, flex

Câmbio: automático de 6 marchas

Potência: 120 cv (etanol / gas.) a 6.000 rpm

Torque: 17,5 kgfm (etanol / gas.) a 1.500 rpm

Consumo (urb./rod.): 8,2 km/l / 10,2 km/l (etanol) - 11,8 km/l /14,2 km/l (gas.)

Itens de série: mesmos itens da versão Diamond 1.0 turbo mais bancos com revestimento exclusivo, frenagem autônoma de emergência, alerta de mudança de faixa e sensor de pressão dos pneus.

Valores de revisão:

Versões com motor 1.0 aspirado:

10 mil km: R$ 201,48

20 mil km: R$ 459,67

30 mil km: R$ 446,92

40 mil km: R$ 602,94

50 mil km: R$ 419,65

60 mil km: R$ 596.02

Versões com motor 1.6

10 mil km: R$ 227.18

20 mil km: R$ 485,37

30 mil km: R$ 472,62

40 mil km: R$ 647,09

50 mil km: R$ 445,35

60 mil km: R$ 621,72

Versões com motor 1.0 turbo

10 mil km: R$ 223,38

20 mil km: R$ 491,57

30 mil km: R$ 478,82

40 mil km: R$ 653,29

50 mil km: R$ 451,55

60 mil km: R$ 890,36

Garantia:

5 anos

Concorrentes:

Chevrolet Onix

Motores: 1.0 12V aspirado (82 cv / 78 cv) e 1.0 turbo (116 cv)

Versões: 1.0 MT, 1.0 turbo AT, LT, LTZ e Premier

Preços: de R$ 55.790 (1.0 MT) a R$ 75.490 (Premier)

Pontos positivos: lista de itens de série e design

Pontos negativos: preço

Ford Ka

Motores: 1.0 12V aspirado (85 cv / 80 cv) e 1.5 (136 cv / 128 cv)

Versões: S, SE, SE Plus, Freestyle e Titanium

Preços: de R$ 48.380 (S 1.0) a R$ 71.390 (Titanium)

Pontos positivos: lista de itens de série e relação custo/benefício

Pontos negativos: espaço interno

Renault Sandero

Motores: 1.0 12V aspirado (82 cv / 79 cv), 1.6 16V (118 cv / 115 cv) e 2.0 16V (150 cv / 145 cv)

Versões: Life, Zen, Intense e R.S

Preços: de R$ 52.090 (Life 1.0) a R$ 72.590 (Intense 1.6)

Pontos positivos: espaço interno e desempenho

Pontos negativos: acabamento e itens de série

Fiat Argo

Motores: 1.0 6V aspirado (77 cv / 72 cv), 1.3 16V (109 cv / 101 cv) e 1.8 16V (139 cv / 135 cv)

Versões: 1.0, Drive, Precision, Trekking e HGT

Preços: de R$ 49.990 (1.0) a R$ 69.990 (HGT 1.8)

Pontos positivos: design e conectividade

Pontos negativos: desempenho do motor 1.8 e preço

Volkswagen Polo

Motores: 1.0 12V aspirado (84 cv / 75 cv), 1.0 turbo (128 cv / 116 cv) e 1.4 turbo (150 cv)

Versões: MPI, Sense, MSI, Comfortline, Highline e GTS

Preços: de R$ 55.890 (1.0 MPI) a R$ 102.500 (GTS)

Pontos positivos: desempenho e design

Pontos negativos: preço e acabamento