PUBLICIDADE
Topo

Primeira Classe

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Pulse escala o ranking e se aproxima da briga pela liderança entre SUVs

Fiat Pulse 1.3 Drive CVT - Divulgação
Fiat Pulse 1.3 Drive CVT Imagem: Divulgação
Conteúdo exclusivo para assinantes
Rafaela Borges

Rafaela Borges é jornalista automotiva desde 2003, com passagens por Carsale e Estadão. Escreve sobre o mercado de veículos, supercarros, viagens sobre rodas e tecnologia.

Colunista do UOL

28/01/2022 12h03

Quando lançou seu primeiro SUV brasileiro, o Pulse, a Fiat não escondeu o jogo: a meta é a liderança do segmento de utilitários-esportivos compactos. Em janeiro, o modelo deve dar o primeiro passo rumo a seu objetivo.

Dados preliminares de vendas, apurados de 1º a 26 de janeiro, mostram o Fiat Pulse se aproximando da briga com os líderes da categoria. A três dias de emplacamentos do fechamento de janeiro, o carro já está na lista dos cinco mais vendidos do segmento mais badalado do mercado brasileiro.

Fiat Pulse avança

No período de apuração, o Fiat Pulse foi o quarto SUV compacto mais vendido do Brasil, com 2.855 emplacamentos. O modelo entra em uma briga direta com o terceiro colocado, Volkswagen T-Cross, que teve 3.133 unidades vendidas.

Para um segmento com esse volume, as menos de 300 unidades que separam os dois modelos sugerem que o Fiat ainda tem chances de ultrapassar o Volkswagen nos três dias de emplacamentos que restam. Além disso, tem mais folga em relação ao quinto colocado, o surpreendente Citroën C4 Cactus.

O SUV da Citroën, que vem ganhando espaço desde que sua fabricante passou a fazer parte do Grupo Stellantis (junto com Fiat, Jeep, Ram e Peugeot), registrou 2.163 unidades emplacadas no período de apuração.

E por falar em Grupo Stellantis, a liderança no segmento de SUVs compactos deverá ficar com Jeep Renegade, primeiro colocado também em 2021. O modelo tem 4.352 emplacamentos, boa vantagem ante as 3.453 do vice-líder, o Hyundai Creta.

E o Hyundai que se cuide. Se o T-Cross tem chances de ser ultrapassado pelo Pulse, ele também pode superar o Creta. A diferença entre eles é de pouco mais de 300 unidades.

Mercado geral

Com cinco versões de acabamento, duas de motor e duas de câmbio, o Pulse já entrou na lista dos dez carros mais vendidos do Brasil. Neste momento, ele ocupa a nona colocação no mês de janeiro.

A Fiat Strada terminou 2021 em alta, e também em baixa. No primeiro caso, foi pela primeira vez o modelo mais vendido do ano. Por outro lado, no resultado mensal, vinha sendo superada constantemente pelo Chevrolet Onix, que voltou a vender bem após meses de paralisação da produção.

Em janeiro, a picape da Fiat deu a volta por cima. A Strada é o veículo mais vendido, com 5.827 exemplares. O Renegade ocupa o segundo lugar e o SUV médio Jeep Compass, o terceiro. O Onix está com a quarta posição. O Hyundai HB20 fecha a lista dos cinco mais emplacados.