PUBLICIDADE
Topo

Jorge Moraes

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Mais um adeus: VW up! sairá de linha e deixará de ser vendido no Brasil

Conteúdo exclusivo para assinantes
Jorge Moraes

Jornalista, Jorge Moraes trabalha com o segmento automotivo desde 1994. Presente nos principais salões internacionais, é editor do caderno de Carros no Diário de Pernambuco, diretor e apresentador do programa Auto Motor na Band, e âncora do programa CBN Motor na rádio CBN Recife.

Colunista do UOL

16/02/2021 04h00

Sexta-feira passada, perto do fim do expediente, uma teleconferência que ficou na memória da rede Volkswagen. Os concessionários receberam verbalmente a notícia de que a montadora deixará de vender o up! no Brasil. Uma pena. A meta agora é atender os últimos pedidos até abril ou maio, lembrando aqui o mês de chegada do novo Taos.

O "foguete compacto" deixará saudade e entrará para a história. O carro acabou de passar por um reposicionamento para atender aos requisitos de segurança, com quatro ocupantes - dois passageiros atrás.

Reforço que a montadora honrará o compromisso dos últimos pedidos, antes de conduzir o veículo para o Hall da Fama. O up! é ofertado nas últimas unidades com motor 1.0 TSI e aclamado pela crítica.

O Volkswagen tamanho P chegou à linha 2021 em todas as concessionárias na única versão Xtreme 1.0 TSI com preço de R$ 60.090. A principal novidade era que o compacto passou a transportar até quatro ocupantes, todos com encosto de cabeça e cinto de segurança de três pontos, atendendo à legislação vigente.

Desenvolvido a partir de um projeto que utiliza aços de alta resistência, o compacto foi o primeiro de sua categoria a receber cinco estrelas no crash-test realizado pelo Latin NCAP.

Entre os itens de segurança na linha 2021 estão duplo airbag frontal, sistema ISOFIX para fixação da cadeirinha infantil no banco traseiro, Top Tether, alerta sonoro e visual de não utilização do cinto de segurança, freios ABS (antitravamento das rodas) com EBD (distribuição eletrônica da força de frenagem), alerta de frenagem de emergência, controle de tração e luz de condução diurna.

Procurada pelo UOL Carros, a assessoria da montadora afirma que o up! continua em produção e que acabou de receber um posicionamento da marca para única versão no mercado brasileiro.

Vale lembrar que o Volkswagen up! é mais um modelo que dá adeus neste começo de ano. Em janeiro, Ford Ka e Ecosport saíram de linha com o fechamento das fábricas da montadora no país. A Stellantis confirmou recentemente que o Fiat Uno deve ser aposentado, enquanto o blog aqui revelou que o Toyota Etios só será produzido no Brasil até março.