PUBLICIDADE
Topo

Tiggo 8 chega ao Brasil com tecnologia inédita; o que esperar do novo SUV

Caoa Chery Tiggo 8 - Divulgação
Caoa Chery Tiggo 8 Imagem: Divulgação
Jorge Moraes

Jornalista, Jorge Moraes trabalha com o segmento automotivo desde 1994. Presente nos principais salões internacionais, é editor do caderno de Carros no Diário de Pernambuco, diretor e apresentador do programa Auto Motor na Band, e âncora do programa CBN Motor na rádio CBN Recife.

Colunista do UOL

05/08/2020 10h00

Lançamento mais importante da Caoa Chery no ano, o Tiggo 8 vem com proposta familiar de sete lugares, aliada a muita tecnologia a bordo e motorização forte para tentar tirar clientes do Tiguan Allspace.

O lançamento será na próxima semana, mas antecipamos que o SUV médio fabricado no Brasil terá motor 1.6 turboflex com injeção direta, que entrega 187 cv de potência e 28 kgfm de torque. O preço de tabela da versão única TXS será abaixo de R$ 170 mil (apostamos em R$ 169.990), mas na promoção de lançamento ele custará menos de R$ 160 mil (ou R$ 159.990).

O Tiggo 8, ao contrário do que estava previsto, não será o primeiro veículo nacional com identificação facial a bordo, inteligência artificial que reconhece o condutor e oferece comandos para memorizar as funções do SUV. O Lion, nome do sistema e da interface, serve ao modelo que é vendido na China. O SUV terá piloto automático adaptativo.

A engenharia da Caoa Chery promete luxo para os sete passageiros no concorrente segmento e faixa de preço onde está o Volkswagen Tiguan. Em tempo, o diretor de engenharia do grupo, Léo Lukacs, disse que provará que a terceira fileira é espaço de verdade para os ocupantes.

O foco no carro família com estilo jovem é a proposta do Tiggo 8. No pacote visual, faróis e lanternas full LED. Mecanicamente, câmbio de sete marchas com embreagem dupla banhada a óleo.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.