PUBLICIDADE
Topo

Volkswagen Nivus é "fogo amigo" que fará consumidor esquecer o T-Cross

Jorge Moraes

Jornalista, Jorge Moraes trabalha com o segmento automotivo desde 1994. Presente nos principais salões internacionais, é editor do caderno de Carros no Diário de Pernambuco, diretor e apresentador do programa Auto Motor na Band, e âncora do programa CBN Motor na rádio CBN Recife.

Colunista do UOL

28/05/2020 15h07

O Nivus é o futuro dos SUVs compactos para a Volkswagen. A rede, eufórica, celebra a revelação feita pelo fabricante no canal do YouTube. Diferentemente de apresentações no passado, desta vez eram todos navegando o mundo virtual.

O carro completamente novo, desenvolvido na América do Sul (no Brasil propriamente dito), vai chegar como uma bola de boliche perfeita, na pista, fazendo um strike em quase todas as versões do T-Cross.

A apresentação mundial do carro foi um marco para a empresa na América Latina, como disse o presidente Pablo Di Si. Ele explicou os processos e a fase final de ajuste da planta Anchieta para fabricação do inimigo número um do SUV que é feito no Paraná, o primo de produção T-Cross.

Mas levamos em consideração a entrada da montadora em uma faixa de mercado que ela precisava competir, com um produto elevado, inovador, diferente em termos de tecnologia. Não deu para sentir por dentro, a direção foi para poucos, mas acredito no que fez o time do Pavone, chefe de design da marca.

Eles acertaram no design, a mecânica já era conhecida com o 1.0 de 128 cv. Não existe ângulo feio, inovou no estilo cupê.

O DNA visual vai inspirar o futuro, disse JC Pavone na apresentação, e analiso a concorrência com o que já existe no segmento antes dos R$ 100 mil. Veículos adversários como os sedãs e os hatches médios, que estão desaparecendo, vão entrar na linha de confronto do Nivus. Vão penar um pouco mais os SUVs Honda WR-V, Hyundai Creta Active e Ford Ecosport.

Difícil para a Volkswagen também encarar as chances do topo do pódio do Nivus ante ao T-Cross. Salvo a versão topo da gama, que tem motor maior 1.4 de 150 cv de potência e um belo teto panorâmico. Palavras que não são somente as minhas, mas de uma grande parte da rede autorizada VW - e, nesse ponto de vista, concordo com eles.

Mas a Volks considera o Nivus um smart car. Diferente. O Volks Play é uma extensão do seu uso diário de tecnologia, mesmo que você vá pagar mais por isso. Sugiro que o faça. O carro é o mais digital dos automóveis, que naturalmente cruza para competir na faixa dos três dígitos no mercado, mesmo custando menos. E olhe que vou passar a direção adiante.

A montadora vai utilizar a concessionária digital para primeiro apresentar um carro (o consumidor vai monta-lo como desejar, inclusive ver vídeos de segurança, como o ACC e o inibidor de colisões frontais até 50 Km/h) que você só vai ver de perto entre o fim de julho e começo de agosto.

Até lá tudo será virtual, inclusive a nova apresentação para o fim de junho para a mídia especializada e sua estratégia de pré-venda com valores que citamos em nosso artigo anterior.

Personagem

A moda que começou em marcas diversas com estrelas como Marina Ruy Barbosa, Anitta, Paolla Oliveira e Bruno Gagliasso chega à Volkswagen com o ator Caio Castro.

Acertaram no perfil? Creio que sim. Mas o time de marketing é que terá que provar isso, pois muitas vezes as campanhas tratam mais da imagem do personagem do que do produto. Já vimos isso em outros episódios e espero agora que seja diferente.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.