PUBLICIDADE
Topo

Infomoto

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Yamaha Fazer 250 2022 ganha farol de LED com DRL; preço sobe a R$ 18.990

Conteúdo exclusivo para assinantes
Arthur Caldeira

Arthur Caldeira, jornalista e motociclista (necessariamente nessa ordem) fundador da Agência INFOMOTO. Mesmo cansado de ouvir que é "louco", anda de moto todos os dias no caótico trânsito de São Paulo.

Colunista do UOL

29/07/2021 12h00

A nova Yamaha Fazer 250 chega às lojas na segunda quinzena de agosto com um novo conjunto óptico, formado por DRL e um projetor, ambos de LED, sua principal mudança. Com isso, o preço sugerido do modelo 2022 passou de R$ 18.190 para R$ 18.990, sem frete e válido para todo o Brasil, exceto no Estado de São Paulo, onde o ICMS de veículos novos é maior.

Farol Fazer 250 2022 - Divulgação - Divulgação
Nova Fazer 250 tem conjunto óptico com DRL e projetor, ambos em LED; desenho lembra o da MT-03
Imagem: Divulgação

Do ponto de vista prático, comparado à versão anterior, o novo farol se mostra mais eficiente, oferecendo maior amplitude de luminosidade, já que os fachos de luz do farol baixo e do alto, são mais homogêneos e abrangentes, iluminando uma área bem maior a frente da motocicleta.

Também vale lembrar que, segundo a lei, o DRL (sigla para Daytime Running Light, ou luz de rodagem diurna, em português) substitui o uso do farol baixo durante o dia. No entanto, durante à noite, e em dias de baixa iluminação ou em outras condições meteorológicas, deve ser acionado o projetor de LED.

Com isso, o punho esquerdo da Fazer 250 2022 também é novo: agora pode-se optar por rodar apenas com o DRL aceso ou com o farol baixo. O lampejador de farol alto também mudou e agora tem um pequeno "gatilho" para ser acionado.

Modelo de sucesso

Modelo mais vendido da Yamaha neste ano, com mais de 18 mil unidades emplacadas, a Fazer 250 ABS já está no mercado há 16 anos. Seu sucesso comercial, tanto no Brasil como na Índia, explica a opção da fábrica japonesa em não fazer grandes mudanças no modelo.

Fazer 250 preta - Divulgação - Divulgação
Yamaha Fazer 250 ABS 2022 não teve mudanças na parte mecânica e ciclística
Imagem: Divulgação

O motor é o mesmo monocilíndrico de 249,5 cm³, arrefecimento misto e comando de válvulas simples no cabeçote, bicombustível. O câmbio, entretanto, manteve as cinco marchas, apesar de muitos proprietários pedirem seis velocidades, para rodar na estrada com mais conforto e economia.

Na parte ciclística, também nenhuma novidade. Garfo telescópico, na dianteira, e um monoamortecedor, com regulagem na pré-carga da mola, na traseira. As rodas de liga-leve são de 17 polegadas, calçadas com pneus sem câmara, e têm freio a disco com sistema ABS de série.

Não mudou nem mesmo o painel LCD, bem completo, mas um pouco ultrapassado. Uma tela de LED, colorida e com mais informações também é outro desejo dos fãs da Fazer.

Fazer 250 2022 vermelha - Divulgação - Divulgação
Nova Fazer 250 tem três opções de cores: azul metálico, vermelho metálico (foto) e preto fosco
Imagem: Divulgação

A Fazer 250 ABS 2022 traz, ao menos, novos grafismos e cores. A street de 250 cc será vendida nas cores Racing Blue (azul metálico), Magma Red (vermelho metálico) e Matt Black (preto fosco). A garantia é de 4 anos, uma exclusividade do segmento street de 250 cc.

Sua principal concorrente é a Honda CB 250F Twister que, com a opção dos freios ABS, tem preço sugerido de R$ 17.330 e três anos de garantia.

Errata: o texto foi atualizado
O motor da Fazer 250 ABS é monocilíndrico e não bicilíndrico como informado anteriormente. A informação já foi corrigida no texto.