PUBLICIDADE
Topo

Benê Gomes

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Com versão RS, Cruze Sport 6 tenta fisgar quem ainda evita um SUV

Conteúdo exclusivo para assinantes
Benê Gomes

Jornalista e produtor de TV, desde 2001 atua como profissional especializado no segmento automotivo. Assina o boletim diário Sexta Marcha, da Rádio Transcontinental FM de SP, dirige e apresenta o_ _Programa Momento Vox – BAND SP. É diretor da Onze Produções, produtora de vídeo e conteúdo digital, e é o idealizador do Programa Auto+, onde atuou por 15 anos

Colunista do UOL

24/04/2022 04h00

Os hatches médios também estão em processo de extinção no Brasil, infelizmente. Por isso, não é exagero dizer que o Chevrolet Cruze Sport 6 é praticamente um sobrevivente no mercado nacional. Atualmente só é produzido na Argentina para atender alguns países da América do Sul, entre eles o Brasil. E por aqui ganhou uma nova versão, a RS, agora a única disponível por aqui na carroceria hatchback.

Apesar da assinatura RS, ele não traz nenhum acerto raiz para os amantes da esportividade. O lance desta versão é explorar a proposta visual um pouco provocativa, coisa que consegue graças aos detalhes exclusivos e que deixaram o carro bonito. Na frente, traz grade escura com acabamento brilhante, a sigla RS na cor vermelha, gravatinha Chevrolet também pintada de preto, máscara negra nos faróis, além de teto e retrovisores escurecidos.

Na lateral, o destaque são as rodas de liga leve aro 17 com desenho exclusivo para o Cruze RS e montadas com pneus 215/50. Fechando o pacote, tem aerofólio preto seguindo a linha do teto, outro emblema RS na tampa do porta-malas e as chamativas lanternas com iluminação de LED.

Por dentro, oferece uma proposta mais discreta, com acabamento quase todo escurecido. Para manter a linha visual esportiva, tem detalhes com costuras pespontadas na cor vermelha nos bancos, no painel e no volante. Segue bom de conectividade com o multimídia MyLink com tela de 8 polegadas, espelhamento de smartphones por cabo e internet 4G própria.

No mais, oferece espaço confortável para até quatro pessoas, ar-condicionado eletrônico, descansa braço traseiro com dois porta-copos e porta-malas justo para a proposta dele, mas longe de ser referência, com 290 litros de capacidade. O Cruze Sport 6 RS não perdeu também o Onstar, plataforma que reúne vários recursos, como localização do veículo, telemática e suporte de serviços ao cliente.

Para quem fica curioso sobre a receita mecânica, não dá para se empolgar muito, pois é a mesma. Mas isso não é algo ruim, pois ele carrega o bom motor 1.4 turboflex de 153 cavalos de potência e 24,5 Kgfm de torque, equipado com sistema de injeção direta de combustível e duplo comando variável de válvulas, entre outros refinamentos.

O resultado é um carro ágil e que garante prazer ao dirigir também, já que o modelo tem bom acerto aerodinâmico e isso acaba criando um clima positivo para quem espera encontrar uma dose de esportividade, mesmo que pequena. Mas na média, o Cruze Sport 6 é um carro confortável, preparado para agradar toda a família e com mais um ponto positivo: com cuidado no pé do acelerador, dá para alcançar bons números de consumo. Os dados oficiais com gasolina no tanque já são bons, com médias de 11,1 Km/l na cidade e 13,5 Km/l na estrada

Conteúdo encolheu

O Cruze Sport6 RS é bem equipado e seguro. Conta com seis airbags, controles eletrônicos de tração e estabilidade, faróis com acendimento automático, sensor de chuva, para dar alguns exemplos. No entanto, é preciso observar que, ao criar esta nova e exclusiva versão, a Chevrolet retirou itens importantes e que eram disponibilizados na versão Premier.

Isso vale para algo mais simples como o ajuste elétrico para o banco do motorista, mas também para os aqueles recursos de segurança semiautônomos, como os alertas de saída de faixa ou de colisão frontal.

Mesmo assim, o Cruze Sport 6 RS continua merecendo consideração, no mínimo, porque é a única opção do segmento de hatches médios no Brasil com preço na faixa dos R$ 150 mil. E, importante, com potencial para satisfazer quem ainda não tem vontade de colocar um SUV na garagem. A maior dúvida, é saber até quando ele vai resistir por aqui.

Preço Chevrolet Cruze Sport6 RS: R$ 152.280