PUBLICIDADE
Topo

Autos Segredos

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Isso a Ford não conta: Mustang Mach-E já chegou ao Brasil para testes

Divulgação
Imagem: Divulgação
Marlos Ney Vidal

Marlos Ney Vidal é repórter, fotógrafo, editor e criador do site Autos Segredos. Formando em jornalismo pela PUC Minas, atuou na redação do jornal Estado de Minas por 24 anos, além de ter colaborado com Quatro Rodas, Auto Esporte e Carro Etc., do jornal O Globo.

Colunista do UOL

03/11/2021 10h40

A Ford fez questão de dizer que as primeiras unidades da picape Maverick já chegaram ao Brasil para a fase pré-lançamento. Mas não contou tudo. Sem problema, revelamos por ela: a marca também já importou um Mustang Mach-E na versão GT. O SUV elétrico desembarcou dias atrás no Brasil.

A unidade será usada para testes de homologação e o Mustang Mach-E será mais uma novidade da Ford ao lado da picape Maverick em 2022.

  • O UOL Carros agora está no TikTok! Acompanhe vídeos divertidos, lançamentos e curiosidades sobre o universo automotivo.

A versão GT é a mais potente do SUV elétrico, e seu conjunto é capaz de render 487 cv de potência e torque de 83 kgfm. Nessa configuração, o Mustang Mach-E chega aos 100 km/h em apenas 3,7 segundos. Com bateria de 88 kWh, a autonomia no padrão WLTP é de até 500 quilômetros. Já a tração é a eAWD.

A versão GT do Mustang Mach-E tem diferenças visuais em relação às demais. É a mais bonita do SUV, já que sua grade tem linhas de colmeia fazendo cosplay de um modelo a combustão. O para-choque também tem linhas mais esportivas. O visual se completa pelas rodas de 20 polegadas.

Mais novidades não contadas

Ford Maverick 2022 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Como disse acima, a Ford não contou tudo, nem mesmo em relação à Maverick. O importador apenas disse que a picape será vendida na versão Lariat com equipamentos exclusivos para o mercado brasileiro.

O que marca não contou é que, além das unidades que chegaram no Porto de Vitória (ES), ela importou dos Estados Unidos uma unidade com motorização híbrida que chegou ao Brasil por via aérea. Até então esperava-se que a inédita picape seria ofertada somente com o motor 2.0 EcoBoost do Bronco Sport.

A picape chegará ao Brasil via México e por lá, ela só é oferecida com motor 2.0 EcoBoost e transmissão automática de oito marchas.

Já o motor 2.5 trabalha em conjunto com um propulsor elétrico e, combinados, ele rendem potência de 193 cv e torque de 21,4 kgfm. A transmissão é automática

No entanto, a chegada de uma unidade híbrida para testes indica que a Ford pode ter novos planos para a Maverick no mercado brasileiro.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.