PUBLICIDADE
Topo

Onix Plus Midnight: sem Wi-Fi e OnStar, sedã seduz pelo visual

Vitor Matsubara

Do UOL, em São Paulo (SP)

05/11/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Nova versão Midnight tem vários detalhes na cor preta
  • Sedã traz mesmo motor 1.0 turbo da versão Premier
  • Carro não vem com internet 4G e sistema OnStar

Preto é uma cor que vai bem em qualquer situação. Seja na escolha de um traje de gala ou para uma ocasião menos formal, a tonalidade é a preferida de boa parte das pessoas.

Nos automóveis, a cor é constantemente associada a luxo, sofisticação e esportividade.

É por isso que a Chevrolet decidiu seguir a tendência das versões monocromáticas com a linha Midnight, lançada na S10 em 2018 e posteriormente estendida aos SUVs Tracker e Equinox.

Agora chega a vez do Onix Plus se juntar ao clube. O visual ficou bem diferente e certamente vai atrair muita gente. Mas será que, por baixo da nova roupagem, está um bom negócio? É o que vamos descobrir na avaliação de UOL Carros.

Divulgação

Chevrolet Onix Plus Midnight

Preço

Carros
4,6 /5
USUÁRIOS
3,2 /5
ENTENDA AS NOTAS DA REDAÇÃO

Bons números com gasolina no tanque e satisfatórios com etanol

Elástico e ágil, motor 1.0 turbo empolga ao volante, mesmo em um sedã com perfil mais pacato

Estilo moderno fica ainda mais atraente com os detalhes na cor preta

Pacote competente é baseado na versão Premier; internet e OnStar não estão disponíveis

Embora não seja o mais espaçoso da categoria, cabine acomoda bem quatro adultos

Custos de revisão e seguro estão entre os menores da categoria

6 airbags, ESP e controle de tração de fábrica: sedã faz bonito em segurança

Pontos Positivos

  • Design
  • Segurança

Pontos Negativos

  • Conectividade

Veredito

Quem curte um visual mais sofisticado com uma pitada de esportividade vai gostar do Onix Plus Midnight. O sedã, que já era uma das melhores opções da categoria, ficou ainda mais atraente na nova versão. O desempenho do bom motor 1.0 turbo também empolga os fãs de uma condução mais nervosa. Espaço interno e porta-malas não são os maiores do segmento, mas estão longe de decepcionarem. Entre muitas virtudes e poucos defeitos, o modelo é uma boa escolha para as famílias.

Onix Midnight 1 - Fábio Gonzalez/Divulgação - Fábio Gonzalez/Divulgação
Design moderno ganhou esportividade na versão Midnight
Imagem: Fábio Gonzalez/Divulgação

Vários detalhes foram tingidos de preto no Onix Plus Midnight. Na frente, a grade dianteira do tipo colméia tem acabamento em preto brilhante e os faróis ganharam máscaras negras.

As rodas de liga leve de 16 polegadas com desenho exclusivo e os frisos na carroceria também entraram na brincadeira. Até a tradicional gravatinha dourada da Chevrolet foi pintada de preto.

O interior traz revestimento exclusivo na cor Jet Black. Espaço interno é bom no banco dianteiro e adequado atrás, embora não seja tão espaçoso quanto os rivais VW Virtus e Nissan Versa.

Os bancos são muito confortáveis e o acabamento é de boa qualidade, mesmo com a presença de bastante plástico. O porta-malas comporta 469 litros.

Onix Midnight 6 - Fábio Gonzalez/Divulgação - Fábio Gonzalez/Divulgação
Motor 1.0 turbo agrada pelas respostas ágeis
Imagem: Fábio Gonzalez/Divulgação

Grande estrela no lançamento da nova geração em 2019, o motor 1.0 turbo de 116 cv (com etanol ou gasolina) surpreende pela elasticidade. Traz boas respostas tanto em todas as rotações, proporcionando agilidade nas arrancadas e retomadas ágeis.

Surpreende também o ótimo trabalho feito pela engenharia da Chevrolet, que conseguiu baixos níveis de vibrações e de ruído. O resultado é o melhor entre todas as motorizações de três cilindros disponíveis no mercado.

A direção leve torna a condução mais empolgante, embora suas respostas poderiam ser um pouco mais rápidas. A suspensão também tem um acerto bem feito, priorizando o conforto sem ser dura demais.

Onix Midnight 3 - Fábio Gonzalez/Divulgação - Fábio Gonzalez/Divulgação
Cabine tem bom acabamento e conteúdo generoso
Imagem: Fábio Gonzalez/Divulgação

Baseada na versão Premier, a novidade agrada pelo conteúdo.

Além dos 6 airbags (oferecidos de fábrica em todas as versões da linha Onix), o carro vem com controles de estabilidade e de tração, assistente de partida em rampas, acendimento automático dos faróis, direção elétrica progressiva e câmera de ré.

Conta ainda com luzes diurnas de LED, ganchos para fixação de cadeirinhas Isofix, sensor de pressão dos pneus, rodas de liga leve de 16 polegadas, coluna de direção com regulagem de altura e profundidade, computador de bordo, piloto automático com limitador de velocidade, destravamento das portas e partida do motor sem chave.

A central multimídia MyLink 3,traz tela de oito polegadas - antes era de sete polegadas. O problema é que o carro perdeu dois itens exaltados pela própria GM no lançamento do novo Onix: internet 4G com W-Fi e OnStar.

Onix Midnight 2 - Fábio Gonzalez/Divulgação - Fábio Gonzalez/Divulgação
Onix Plus se destaca pelos baixos custos de manutenção
Imagem: Fábio Gonzalez/Divulgação

A Chevrolet sabe que os baixos custos de manutenção foram essenciais para o sucesso do Onix. E é por isso que os valores permanecem competitivos na nova geração.

Segurança, porém, é uma das maiores virtudes do Onix Plus. Sai de fábrica com 6 airbags, assistente de partida em rampas e controles de estabilidade e de tração em todas as versões. Apenas o recém-chegado Nissan Versa traz os mesmos equipamentos de fábrica desde a configuração de entrada.

Onix Midnight 5 - Fábio Gonzalez/Divulgação - Fábio Gonzalez/Divulgação
Sedã concorre com HB20S, Virtus e Yaris, entre outros
Imagem: Fábio Gonzalez/Divulgação

Por R$ 81.390, o Onix Plus Midnight enfrenta uma concorrência numerosa.

Os principais rivais são Fiat Cronos Precision (R$ 78.990), Hyundai HB20S Diamond Plus (R$ 82.990), Nissan Versa Advance (R$ 83.490) e VW Virtus Comfortline (R$ 85.390).

Entretanto, Toyota Yaris XL Plus Connect (R$ 82.990) e Honda City EX (R$ 84.200) também estão na briga.

Mecânica
  • Motorização

  • 1.0, 12V, 3 cilindros em linha, flex

  • Combustível

  • Etanol / Gasolina

  • Potência (cv)

  • 116 cv a 5.500 rpm

  • Torque (kgf.m)

  • 16,8/16,3 kgfm a 2.000 rpm

  • Aceleração de 0 a 100 (segundos) (km/h)

  • 10,4 s

  • Velocidade máxima (km/h)

  • n/d

  • Consumo cidade (km/l)

  • 8,6 km/l (etanol) / 12 km/l (gas.)

  • Consumo estrada (km/l)

  • 10,9 km/l (etanol) / 15 km/l (gas.)

  • Câmbio

  • automático de 6 marchas

  • Tração

  • dianteira

  • Direção

  • elétrica

  • Suspensão Dianteira

  • independente, McPherson

  • Suspensão Traseira

  • eixo de torção

  • Freios Dianteiros

  • discos ventilados

  • Freios Traseiros

  • tambor

Pneus e Rodas
  • Pneus

  • 195/55 R16

  • Rodas

  • 16 polegadas

Dimensões
  • Altura (mm)

  • 1476 mm

  • Comprimento (mm)

  • 4474 mm

  • Entre-eixos (mm)

  • 2600 mm

  • Largura (mm)

  • 1730 mm

  • Ocupantes

  • 5

  • Peso (kg)

  • 1117 kg

  • Porta-malas (L)

  • 469 l

  • Tanque (L)

  • 44 l

Preço das Revisões, Seguro e Garantia
  • 10.000 km

  • R$ 320,00

  • 20.000 km

  • R$ 616,00

  • 30.000 km

  • R$ 516,00

  • 40.000 km

  • R$ 684,00

  • 50.000 km

  • R$ 496,00

  • 60.000 km

  • R$ 616,00

  • Seguro

  • R$ 2.500 (média)

  • Garantia

  • 3 anos

Equipamentos
  • Airbags Motorista

  • Airbags Passageiro

  • Airbags Laterais

  • Airbags do tipo Cortina

  • Controle de Estabilidade

  • Controle de Tração

  • Freios ABS

  • Distribuição Eletrônica de Frenagem

  • Ar-Condicionado

  • Travas Elétricas

  • Ar Quente

  • Piloto Automático

  • Volante com Regulagem de Altura

  • Vidros Elétricos Dianteiros

  • Vidros Elétricos Traseiros

  • Central Multimídia

  • Rádio FM/AM

  • Entrada USB

  • Entrada Auxiliar

  • Banco do motorista com ajuste de altura

  • Desembaçador Traseiro

  • Computador de Bordo

  • Acendimento automático dos faróis

  • Faróis de neblina

  • Abertura elétrica do porta-malas