PUBLICIDADE
Topo

Nissan Kicks manual tem melhor desempenho da gama, mas peca em equipamentos

José Antonio Leme

do UOL, em São Paulo (SP)

03/11/2021 04h00

Quase em extinção no mercado, os SUVs compactos com câmbio manual se tornam cada diz mais raro dentro das gamas. Uma das poucas opções entre os zero quilômetros é o Kicks Sense.

A versão de entrada conta com opção de câmbio manual ou o automático CVT. Com a transmissão mecânica parte de R$ 99.190 (preço Brasil) e também é um dos poucos modelos ainda abaixo dos R$ 100 mil na categoria.

  • O UOL Carros agora está no TikTok! Acompanhe vídeos divertidos, lançamentos e curiosidades sobre o universo automotivo.

Com um misto de sensações, o Kicks Sense manual é certamente o que entrega o melhor rendimento dentro de toda a gama, mas peca em acabamento e equipamento em diversos aspectos.

Nissan Kicks Sense 1.6 MT

Carros
2,9 /5
ENTENDA AS NOTAS DA REDAÇÃO

Veredito

A melhor versão do Kicks é também a menos vendida, sem dúvida. A marca precisa atualizar seu trem de força para um turboalimentado para atender os clientes que querem desempenho aliado ao estilo agradável do Kicks. O motor fraco não alinha bem com o CVT, mas por outro lado ninguém quer câmbio manual dessa faixa de preço. Fica claro que nem sempre sua melhor versão é a que ganha mais atenção.

DESIGN E ESPAÇO INTERNO

O Kicks Sense MT chegou às lojas com as demais versões no início do ano. O modelo chamou a atenção pela mudança visual que impactou todas as versões.

A dianteira ficou mais imponente com o novo visual, mais agressivo e que dá ao SUV mais presença nas ruas. Na traseira, as mesmas lanternas que já tinha, mas agora ligadas com por uma barra que reflete a luz.

O que deixa claro que essa é uma versão de entrada são as rodas de aço com calotas e o diâmetro menor, de 16 polegadas, que deixam o Kicks menor imponente olhando lateralmente do que as rodas de 17" das versões mais completas.

Por fora, a versão de entrada não tem também as maçanetas com acabamento cromado e perde os repetidores de seta integrados aos espelhos retrovisores externos.

Por dentro as mudanças ficam mais evidentes. O acabamento é mais simples, todo preto, sem muitos detalhes, sem textura no plástico duro que forma o painel.

O apoio de braço some e o porta-objetos no console central vira apenas um buraco sem tampa ou cobertura. O acabamento em preto opaco em todas as peças internas não tem deixa esquecer que é o carro mais básico. Sem couro nos bancos ou volante, sem estofamento no revestimento do painel e detalhes cromados nas portas e saídas de ar-condicionado.

Por outro lado, o espaço é bom e a posição de guiar também agrada. Isso porque, apesar de ser um modelo de entrada, o Kicks Sense não perdeu nem o ajuste de altura do banco do motorista e nem de altura e distância da coluna de direção.

Para quem vai atrás, o espaço é bom para as pernas e o túnel central não é tão elevado, mas bastante largo para quem vai sentado no meio.

Nissan Kicks 2022 Sense Manual - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

CONSUMO E DESEMPENHO

O motor da versão Sense é a mesma das demais: um quatro cilindros de 1,6 litro, flex, que rende até 114 cv e 15,5 mkgf, seja quando alimentado com etanol ou gasolina.

A diferença aqui está no câmbio manual de cinco marchas. Se perdermos em comodidade do câmbio automático CVT usado nas demais versões, ganhamos em desempenho na Sense manual.

O câmbio manual tem um bom escalonamento e consegue arrancar e retomar melhor que o CVT, que perde muita resposta em detrimento de um melhor consumo de combustível.

Ao buscar aceleração, ele também vai bem. Claro que isso tem um custo durante a experiência de estar atrás do volante. Em 5ª marcha, rodando a cerca de 120 km/h, o Kicks mantém o giro elevado, na casa dos 3.500 rpm, para manter o motor sempre cheio.

A suspensão do Kicks é totalmente direcionada para conforto, optando por um ajuste de maciez, o que ajuda a contornar nosso piso ruim e esburacado da maioria dos lugares Brasil afora.

A direção elétrica segue o mesmo conceito da suspensão, sendo muito leve, o que passa pouca precisão durante a pilotagem, mas agrada em manobras de baixa velocidade e na cidade.

Os dados de consumo na cidade e na estrada, respectivamente, são de 7,8 km/l e 8,9 km/l com etanol e 10,9 km/l e 12,7 km/l quando rodando com gasolina.

Nissan Kicks 2022 Sense Manual - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

EQUIPAMENTOS

O Kicks Sense tem uma lista até que ampla de equipamentos, mas aposta no básico para os clientes. Há trio elétrico, chave canivete, mas não presencial e comando elétrico de regulagem dos espelhos externos.

Há acendimento automático dos faróis, mas as luzes não são de LEDs, são halogenas. O volante é multifuncional com controles de áudio e para atender chamadas.

O painel de instrumentos tem mostradores analógicos e uma pequena tela digital no centro para o computador de bordo, que oferece as informações básicas.

Ele oferece ainda sensor de obstáculos, mas apenas na traseira, com alerta sonoro e a câmera de ré integrada que projeta as imagens na central multimídia.

A central multimídia tem tela de 7 polegadas e integração a Android Auto e Apple CarPlay, mas tem funcionamento confuso. Há uma função, "carga rápida" no sistema da central que se estiver ativado impede o espelhamento do smartphone na tela.

Ela ainda tem um sistema mais simples que o da central das versões mais completas. Sua resposta não é tão ágil e a resolução deixa a desejar, mas ela consegue atender.

Nissan Kicks 2022 Sense Manual - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

MANUTENÇÃO E SEGURANÇA

Em termos de segurança, o pacote do Kicks de entrada traz o que se tornou "padrão" na maioria dos concorrentes: seis airbags, controles de tração e estabilidade, fixação de cadeirinha com Isofix e assistente de partida em rampa (HSA).

O sistema de freio, obrigatário por lei, traz sistema ABS com distribuição eletrônica de frenagem e também o assistente de frenagem, que aumenta a força aplicada em frenagens com força máxima.

A manutenção do Kicks durante os primeiros 60 mil km ou 72 meses, o que ocorrer primeiro, custa um total de R$ 3.393 no programa de revisão com valor fixo da companhia. As 1ª, 3ª e 5ª revisões custam 471 cada, enquanto as 2ª, 4ª e 6ª revisões saem por R$ 660 cada.

Nissan Kicks 2022 Sense Manual - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

MERCADO

O mercado de quem busca uma versão manual de um SUV é cada vez menor e fica restrito sempre a versão de entrada. Quem busca essa categoria e essa faixa de preço acaba já optando pelo conforto e a comodidade do câmbio automático.

Por isso, a Volkswagen tirou da gama a versão manual do T-Cross, pouco procurada, na mudança para linha 2022. Seus rivais que ainda têm a transmissão mecânica são o Chevrolet Tracker com motor 1.0 turbo a e o Renault Duster 1.6, ambos de entrada também.

A fatia é pequena e pouco significativa e deve ser extinta nos próximos anos com a popularização do câmbio automático e dos recorrentes aumentos de preços - que costumava ter a versão de entrada manual como chamariz para as demais, automáticas.

Nissan Kicks 2022 Sense Manual - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros

Mecânica
  • Motorização

  • 1.6, 4 cil., 16V

  • Combustível

  • Etanol / Gasolina

  • Potência (cv)

  • 114 a 5.600 rpm

  • Torque (kgf.m)

  • 15,5 a 4.000 rpm

  • Consumo cidade (km/l)

  • 7,8 (etanol) / 10,9 (gasolina)

  • Consumo estrada (km/l)

  • 8,9 (etanol) / 12,7 (gasolina)

  • Câmbio

  • Manual, 5 marchas

  • Tração

  • Dianteira

  • Direção

  • Elétrica

  • Suspensão Dianteira

  • Independente, McPherson

  • Suspensão Traseira

  • Eixo de torção

  • Freios Dianteiros

  • Discos ventilados

  • Freios Traseiros

  • A tambor

Pneus e Rodas
  • Pneus

  • 205/60 R16

  • Rodas

  • 16 polegadas

Dimensões
  • Altura (mm)

  • 1.610

  • Comprimento (mm)

  • 4.310

  • Entre-eixos (mm)

  • 2,620

  • Largura (mm)

  • 1.760

  • Ocupantes

  • 5

  • Peso (kg)

  • 1.104

  • Porta-malas (L)

  • 432

  • Tanque (L)

  • 41

Preço das Revisões, Seguro e Garantia
  • 10.000 km

  • R$ 471

  • 20.000 km

  • R$ 660

  • 30.000 km

  • R$ 471

  • 40.000 km

  • R$ 660

  • 50.000 km

  • R$ 471

  • 60.000 km

  • R$ 660

  • Garantia

  • 3 anos

Equipamentos
  • Airbags Motorista

  • Airbags Passageiro

  • Airbags Laterais

  • Airbags do tipo Cortina

  • Controle de Estabilidade

  • Controle de Tração

  • Freios ABS

  • Distribuição Eletrônica de Frenagem

  • Ar-Condicionado

  • Travas Elétricas

  • Ar Quente

  • Volante com Regulagem de Altura

  • Vidros Elétricos Dianteiros

  • Vidros Elétricos Traseiros

  • Central Multimídia

  • Rádio FM/AM

  • Entrada USB

  • Entrada Auxiliar

  • Banco do motorista com ajuste de altura

  • Desembaçador Traseiro

  • Computador de Bordo

  • Acendimento automático dos faróis

  • Faróis de neblina

  • Faróis com regulagem de altura