PUBLICIDADE
Topo

Honda Accord: agora híbrido, sedã de luxo supera os 20 km/l; assista

José Antonio Leme

do UOL, em São Paulo (SP)

13/09/2021 04h00

A Honda está mudando seu momento no País para uma linha mais moderna, avançada e, principalmente, mais sustentável. O primeiro modelo desse novo momento é o Accord 2021, que, além de uma leve reestilização, chega ao País com a tecnologia híbrida.

Apesar de apostar há anos em trens de forças híbridos, a Honda não tinha ousado, até agora, a oferecer um deles aqui. Com preço de R$ 299.900 para todo o País, (exceto em São Paulo, por R$ 310.900) - cerca de R$ 40 mil a mais do que era pedido pelo modelo 2020 com motor 2.0 turbo a gasolina.

O sedã executivo da marca é o primeiro de três modelos com esse tipo de tecnologia que serão ofertados em solo nacional pela Honda até 2023 - a expectativa é que os demais sejam os SUVs médio e compacto, CR-V e HR-V, respectivamente.

E UOL Carros teve a oportunidade de experimentar o primeiro híbrido no País e saber se o Accord realmente vale a pena depois de ter aposentado sua verve um pouco mais esportiva que tinha com o 2.0 turbo em detrimento de uma pegada mais sustentável.

Divulgação

Honda Accord Hybrid

Carros
3,6 /5
ENTENDA AS NOTAS DA REDAÇÃO

Pontos Positivos

  • Consumo
  • Trem de força

Pontos Negativos

  • Acabamento
  • Preço

Veredito

O Accord híbrido é muito bem-vindo, não só por ter um consumo surpreendente para o tamanho do carro, como também por oferecer muito conforto. Além disso, é uma opção com o extra da tecnologia sustentável, capaz de brigar por espaço com os alemães, especialmente. Contudo, a tarefa não será fácil e o câmbio do dólar não colabora. Ainda assim, o Accord tem seu séquito pequeno, porém fiel há gerações.

DESIGN E ESPAÇO INTERNO

O Accord Hybrid 2021 por fora não foi muito alterado em relação ao que estava à venda apenas com motor a combustão aqui, mas há uma pequena reestilização.

Além do logo da Honda com um fundo azul, que indica a verve sustentável do sedã, o modelo ganhou novas grades e para-choque dianteiro, que é o responsável por acomodar os faróis de neblina, que agora são de LEDs, mesma tecnologia dos principais.

As rodas agora têm 17", ao contrário das antigas de 18". Além disso, tem um desenho focado em privilegiar a aerodinâmica, gerando menos arrasto, ajudando assim a reduzir o consumo. Na traseira há um novo defletor de ar no para-choque e o logo e:HEV que identifica a nova tecnologia híbrida exclusiva da Honda.

Honda Accord Hybrid - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Por dentro, o carro é bem acabado, mas bem conservador para quem ousou no visual externo. O painel e as portas têm um acabamento que simula madeira. Ele não é surpreendente, mas é bem feito, tem um toque mais sutil com um emborrachado com espuma em partes do painel e das portas. Pontuo como negativo não pela qualidade, mas pela falta de ousadia.

O espaço é muito bom para adultos de estatura superior a 1,80 metro. Quem vai atrás tem muito conforto e apenas quem está sentado no meio tem que lidar com túnel central mais elevado. O espaço para os ombros e os joelhos é muito bom. Os assentos são confortáveis.

Para o condutor, a posição de guiar é confortável e tudo está ao alcance das mãos, além de contar com amplos ajustes de altura e distância, tanto no banco quanto na coluna de direção.

Honda Accord Hybrid 2021 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

CONSUMO E DESEMPENHO

A parte mais interessante do Accord híbrido é sem dúvida o consumo. De acordo com a Honda, ele faz 17,1 km/l na estrada e 17,6 km/l na cidade. Enquanto um carro convencional é mais econômico na estrada, os híbridos são mais econômicos na cidade, onde conseguem usar mais o motor elétrico.

Apesar disso, durante o teste rodoviário, sem fazer malabarismos, mantendo até 120 km/h e com ar-condicionado ligado foi possível atingir a média de consumo de 21 km/l, o que garante que o Accord realmente é econômico, que é sua principal característica.

Para atingir esses números usa um motor 2.0, a gasolina, de ciclo Atkinson - voltado a economia de combustível - que rende 145 cv e 17,8 mkgf associado a dois elétricos que produzem 184 cv e 32,1 mkgf.

Apesar disso, é importante reforçar que apenas um dos elétricos é usado na propulsão, enquanto o segundo funciona como um gerador. O câmbio é automático de relação fixa para trabalhar com o motor elétrico e o propulsor a combustão.

Honda Accord Hybrid - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

O sistema e:HEV criado pela Honda tem três modos de condução: EV Drive, Hybrid Drive e Engine Drive. O primeiro usa apenas o motor elétrico para mover o carro com a energia da bateria.

No Hybrid Drive, o motor a combustão entra em funcionamento como gerador para alimentar a bateria e fornecer energia para o propulsor elétrico, enquanto o Engine Drive liga o motor a combustão diretamente ao eixo dianteiro.

O Accord Hybrid como todo sedã executivo presa pelo conforto dos ocupantes, mas também é um Honda, portanto mantém a característica de uma suspensão mais acertada e firme, para dar uma pegada a quem gosta de dirigir, mesmo em carro focado em luxo.

A direção elétrica é progressiva e muda a calibragem conforme os modos de condução: sport ou econ e também se o condutor acelerar mais, mesmo que no modo econ, com a precisão que é costumaz aos modelos da marca japonesa.

Honda Accord Hybrid - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

EQUIPAMENTOS

O Accord vem bem equipado e ganhou algumas novidades na linha híbrida 2021. Agora a central multimídia passa a contar com integração a Android Auto e Apple CarPlay sem fio, além da opção pela USB.

Outras melhorias são o carregador de celular por indução com maior capacidade - 15W - e duas entradas USB para recarga de dispositivos para os bancos traseiros, os botões do volante e o painel semi-virtual tem novos grafismos.

O modelo traz head-up display, painel de instrumentos semi-virtual, sistema de cancelamento de ruídos no interior do carro, chave presencial com partida por botão e ar-condicionado digital e automático com duas zonas.

Honda Accord Hybrid - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

SEGURANÇA

Em termos de segurança, o sedã oferece mais do que o convencional, a começar pelo número de airbags, que são oito - há de joelho para motorista e passageiro, além de controles de tração e estabilidade.

Ele oferece ainda o pacote ADAS de segurança ativa e passiva que inclui controle de velocidade adaptativo (ACC), frenagem autônoma de emergência com alerta de colisão frontal, assistente de permanência em faixa com correção no volante e farol alto automático.

Um item que já estava presente no Accord e também na versão de topo do Civic, é a câmera de ponto cego. Ao acionar a seta para a direita, uma câmera no espelho retrovisor direito é acionada e mostra a imagem na central multimídia, aumentando o campo de visão.

Novidades no pacote de segurança são o alerta de uso do banco traseiro, o que te ajuda a não esquecer uma criança ou uma mochila no banco traseiro ao sair do veículo, e a frenagem de manobras. Esse segundo item evita colisões a baixa velocidade durante manobras.

Honda Accord Hybrid - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

MERCADO

O Accord tem um mercado complicado para disputar no Brasil e sempre teve. Suas dimensões, capacidade e motorização sempre o colocaram na mesma categoria dos modelos de luxo das marcas premium.

O problema é exatamente ele não ser um carro de luxo e para quem vai dispor de R$ 300 mil isso é levado em conta. Nessa brincadeira, ele sempre ficou restrito a uma disputa com o Toyota Camry, que está na mesma categoria e, por enquanto, teve suas importações suspensas.

Honda Accord Hybrid - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Mecânica
  • Motorização

  • 2.0, 4 cil., 16V + 2 elétricos

  • Combustível

  • Gasolina

  • Potência (cv)

  • 145 a 6.000 rpm + 184 cv (elétricos)

  • Torque (kgf.m)

  • 17,8 a 3.500 rpm + 32,1 (elétricos)

  • Consumo cidade (km/l)

  • 17,6

  • Consumo estrada (km/l)

  • 17,1

Pneus e Rodas
  • Pneus

  • 225/50R17

  • Rodas

  • 17"

Dimensões
  • Altura (mm)

  • 1.460

  • Comprimento (mm)

  • 4.904

  • Entre-eixos (mm)

  • 2.830

  • Largura (mm)

  • 1.862

  • Ocupantes

  • 5

  • Peso (kg)

  • 1.555

  • Porta-malas (L)

  • 574

  • Tanque (L)

  • 48,5

Equipamentos
  • Airbags Motorista

  • Airbags Passageiro

  • Airbags Laterais

  • Airbags do tipo Cortina

  • Controle de Estabilidade

  • Controle de Tração

  • Freios ABS

  • Distribuição Eletrônica de Frenagem

  • Ar-Condicionado

  • Travas Elétricas

  • Ar Quente

  • Piloto Automático

  • Volante com Regulagem de Altura

  • Vidros Elétricos Dianteiros

  • Vidros Elétricos Traseiros

  • Central Multimídia

  • Rádio FM/AM

  • Entrada USB

  • Banco de Couro

  • Banco do motorista com ajuste de altura

  • Bancos com ajustes elétricos

  • Desembaçador Traseiro

  • Teto Solar

  • Computador de Bordo

  • Acendimento automático dos faróis

  • Faróis de neblina

  • Frenagem autônoma de emergência

  • Alerta de permanência em faixa

  • Sensor de pressão dos pneus

  • Sensor de pontos cegos

  • Alerta de colisão

  • Abertura elétrica do porta-malas

  • Faróis com regulagem de altura