PUBLICIDADE
Topo

Neguinho da Beija-Flor lamenta morte de Laíla: 'Amigo durante 50 anos'

Neguinho da Beija-Flor ao lado de Laíla - Reprodução/Instagram
Neguinho da Beija-Flor ao lado de Laíla Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/06/2021 13h49

Neguinho da Beija-Flor lamentou o falecimento de Laíla, diretor do carnaval carioca. Vítima da covid-19 aos 78 anos, ele estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Israelita Albert Sabin, na Tijuca, zona norte da cidade.

"Vai ficar a saudade daquele que foi meu primeiro produtor musical, no início da minha carreira, no Cordão da Bola Preta, meu amigo durante 50 anos da minha vida", escreveu Neguinho na legenda da publicação feita em seu Instagram.

Personalidade fortíssima, excelente profissional e amigo de todas as horas! Luiz Fernando Ribeiro do Carmo, o "Laíla", melhor diretor de carnaval de todos os tempos! Que Deus o tenha, meu amigo!

A morte de Laíla foi confirmada pela escola de samba Unidos da Tijuca em publicação no Instagram.

O dia é muito triste para os sambistas. Perdemos Luiz Fernando Ribeiro do Carmo, mestre Laíla, que foi nosso diretor de Carnaval em 1980,1981,1982 e participou da comissão de carnaval em 2019. Laíla é mais uma vítima da covid-19. Agradecemos por todo legado deixado e desejamos nossos profundos sentimentos aos familiares e amigos. Obrigado por tudo mestre, siga em PAZ! Diz a publicação feita pela escola de samba

Eduardo Paes, prefeito do Rio, também lamentou a morte do carnavalesco:

"Sempre tive inveja da Beija-flor por ter esse cara e ele não estar na minha Portela. Que perda para a nossa cultura. Meus sentimentos aos amigos e familiares. Obrigado por tudo que você fez pelo carnaval carioca! Salve Laíla!", escreveu.

Laíla acumulou passagens pela Beija-Flor, Vila Isabel e Unidos da Tijuca. A última escola em que atuou no Rio de Janeiro foi a União da Ilha, em 2020.