PUBLICIDADE
Topo

Minas Gerais

Governo de Minas anuncia suspensão de pontos facultativos no Carnaval

Prefeitura de Belo Horizonte já havia suspendido o ponto da facultativo - Nereu Jr./UOL
Prefeitura de Belo Horizonte já havia suspendido o ponto da facultativo Imagem: Nereu Jr./UOL

Do UOL, em São Paulo

28/01/2021 15h08

O Governo do Minas de Gerais anunciou por meio de nota que não haverá ponto facultativo no estado nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro — datas em que aconteceriam os festejos do Carnaval, cancelados em razão da pandemia da covid-19.

"A medida tem por objetivo desestimular viagens e a ocorrência de eventos que possam gerar aglomeração e provocar o aumento de infecções pelo coronavírus", diz a nota divulgada hoje.

Ainda no texto, o governo ressalta que a prioridade do estado é salvar vidas e pede que a população mineira "redobre os cuidados com a higiene e use máscaras".

Confira como está a situação nas principais cidades do país:

Rio de Janeiro

Após a mudança dos desfiles para julho, anunciada pela Liesa (Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro), o prefeito Eduardo Paes (DEM) assumiu que a festa não aconteceria nem no meio do ano.

Nas redes sociais, Paes disse que "não fazia sentido" imaginar que a cidade teria condições para realizar o Carnaval em julho.

A prefeitura afirma que a terça-feira de Carnaval (16) continua como feriado, com ponto facultativo na segunda (15), mesmo com festas e eventos cancelados.

Salvador

As festividades de Carnaval estão canceladas na capital baiana. O governador Rui Costa (PT), no entanto, afirmou à imprensa que não haverá qualquer incentivo a comemorações de Carnaval no estado.

Além disso, decisão conjunta do governo e da Prefeitura de Salvador anunciou nesta terça (26) o cancelamento do ponto facultativo de segunda, terça e quarta (17) da semana do Carnaval.

São Paulo

A Prefeitura de São Paulo adiou o Carnaval na cidade, mas ainda não definiu a situação dos pontos facultativos da semana originalmente prevista para as festas.

Também não há previsão de novas datas para as celebrações.

São Luiz do Paraitinga (SP)

O tradicional Carnaval de marchinhas de São Luiz do Paraitinga (170 km de São Paulo) vai acontecer de forma virtual neste ano. A cidade de cerca de 10,5 mil habitantes recebeu 80 mil foliões no Carnaval de 2020.

Com o cancelamento das festas presenciais, bandas que costumam tocar na cidade participarão de apresentações virtuais e sem público, que serão divulgadas pela prefeitura da cidade.

Belo Horizonte

Em Belo Horizonte, o prefeito Alexandre Kalil (PSD) havia afirmado ser "birutice" pensar em Carnaval em 2021. Estão suspensas todas as autorizações para eventos públicos e privados de Carnaval, incluindo desfiles de blocos e escolas de samba.

A Prefeitura de Belo Horizonte também afirma que não haverá ponto facultativo durante a semana de Carnaval.

Fortaleza

Festas e eventos comemorativos de Carnaval, públicos ou privados, também estão suspensos em Fortaleza. O governador Camilo Santana (PT) cancelou o ponto facultativo na segunda e terça de Carnaval em todo o Ceará.

Recife

O Carnaval da capital pernambucana foi suspenso oficialmente em janeiro. Até agora, no entanto, o governo estadual não anunciou alterações no calendário.

Olinda, antiga capital e cidade próxima do Recife, que tem festa tradicional de carnaval, também cancelou a festa.

Minas Gerais