PUBLICIDADE
Topo

Após polêmicas no Carnaval, Simony posta imagem contra rivalidade feminina

Simony publica indireta para Flávia Noronha nas redes sociais.  - Reprodução/Instagram
Simony publica indireta para Flávia Noronha nas redes sociais. Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

27/02/2020 11h52

O Carnaval de Simony foi muito agitado e cheio de polêmicas. Ontem, a cantora publicou em seu Instagram uma imagem com uma indireta para apresentadora Flávia Noronha, que criticou Simony por abandonar a transmissão ao vivo do programa "Bastidores do Carnaval", da RedeTV!.

Sem citar a colega de emissora, a cantora compartilhou uma imagem com duas mulheres e diz: "Mulheres precisam apoiar umas às outras" e, para reforçar a mensagem, Simony escreveu na legenda: "competir nunca, somar sempre."

?? competir nunca, somar sempre ??.

A post shared by Simony (@simonycantora) on

A polêmica começou quando a cantora deixou a transmissão ao vivo do programa da RedeTV!. Após sua saída, Simony disse que ficou incomodada por não conseguir falar, ser cortada o tempo todo e questionou se Flávia Noronha, que apresentava o programa 'Bastidores do Carnaval', tinha algo contra ela.

Em resposta, Flávia Noronha, que também apresenta o 'TV Fama', disse ao colunista do UOL, Fefito, que em momento algum tentou cortar a cantora e que Simony deveria entender que ela não é responsável pelo tempo de fala no programa.

"Volto a repetir: não tenho nada contra a Simony, mas acho que faltou profissionalismo. Ela foi embora sem avisar, não me deu tchau e nem a ninguém do estúdio. Ninguém entendeu nada, nem a direção, nem a superintendência.", disse Flávia.

A cantora também teve outra situação desagradável na transmissão quando foi assediada e teve seus seios apalpados ao vivo pelo apresentador Dudu Camargo, do SBT. Durante a transmissão, Dudu também encostou a mão no figurino de Simony e pediu um selinho, sendo atendido, mas logo em seguida a cantora se diz incomodada com a forma que ele a segurou. "É só um selinho e ele quer ficar segurando o pescoço da gente", reclamou.

CarnaUOL