PUBLICIDADE
Topo

CarnaUOL

Ex e atuais bailarinas do Faustão são destaques do Carnaval no Rio e em SP

Bailarina do Domingão do Faustão entre 2000 e 2001, Sabrina Sato brilha na Gaviões e na Vila Isabel - REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Bailarina do Domingão do Faustão entre 2000 e 2001, Sabrina Sato brilha na Gaviões e na Vila Isabel Imagem: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Colaboração para o UOL

Em São Paulo

01/02/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Entre os principais nomes que vão desfilar em escolas de samba está Pâmella Gomes, atual rainha de bateria da Tom Maior
  • Sabrina Sato, que vem à frente dos ritmistas da Gaviões da Fiel, fez parte do quadro de dançarinas do programa entre 2000 e 2001
  • Carla Prata foi uma das bailarinas que mais "duraram" no Domingão: ela ficou na atração entre 2007 e 2011, e chegou a ser repórter

Não é de hoje que ex e atuais bailarinas do Domingão do Faustão fazem parte do Carnaval, tanto no Rio de Janeiro quanto em São Paulo. Neste ano não será diferente.

Entre os principais nomes que vão desfilar em escolas de samba em 2020, estão Pâmella Gomes, atual rainha de bateria da Tom Maior, Carla Prata, musa da Dragões da Real, e até Sabrina Sato, que vem à frente dos ritmistas da Gaviões da Fiel - sim, a apresentadora da Record fez parte do quadro de dançarinas do programa dominical da Globo entre 2000 e 2001.

Saiba quem são as bailarinas do Faustão - que ainda estão na atração e as que já saíram - que vão brilhar na avenida em 2020.

Pâmella Gomes, rainha de bateria da Tom Maior e musa da Imperatriz Leopoldinense

Há cerca de quatro anos no balé do Faustão, Pâmella está há seis como rainha de bateria da Tom Maior, escola do Grupo Especial de São Paulo. Aos 28 anos e frequentando a agremiação desde os 3, ela começou na ala das crianças, se tornou rainha mirim, madrinha mirim, depois destaque de chão, princesa de bateria e, finalmente, rainha de bateria da escola.

No Rio de Janeiro, ela é musa da Imperatriz Leopoldinense, escola do Grupo A, desde 2018. Em 2017, Pâmella se tornou ainda mais conhecida pelo público do Domingão, ao participar da Dança dos Famosos. Ela era dupla de Raul Gazolla, mas os dois não chegaram à final.

Markelly Oliveira, musa da Gaviões

Markelly Oliveira participa do balé do Faustão em quadros como Melhores do Ano, Show dos Famosos e Ding Dong há cerca de dois anos. Ela voltou como musa da Gaviões da Fiel no Carnaval 2020, depois de já ter desfilado pela escola entre os anos de 2017 e 2018.

Além do Domingão, Markelly, de 24 anos, tem um canal no YouTube, é modelo fitness e participou de alguns clipes, como "Nossas Metas", do MC Neguinho Do Kaxeta, e "Se Entrega", dos MC CL e MC Gui.

Sabrina Sato, rainha de bateria da Gaviões da Fiel e rainha da Vila Isabel

Pouca gente sabe - ou se lembra -, mas antes de participar do Big Brother Brasil 3, Sabrina Sato foi bailarina do Domingão do Faustão entre 2000 e 2001. Figurinha carimbada no Carnaval, este será o 17º ano em que ela desfila pela Gaviões da Fiel, em São Paulo. A apresentadora da Record de 38 anos começou como destaque de chão na agremiação e em 2010 se tornou madrinha de bateria, posto que ocupou até 2018. Ela foi coroada rainha da bateria em 2019.

Sabrina também vai desfilar pela Unidos de Vila Isabel, no Rio, como rainha da escola - entre 2011 e 2019, ela foi rainha de bateria, mas foi substituída este ano por Aline Riscado.

Aline Riscado, rainha de bateria da Vila Isabel

Aline Riscado ficou no balé do Faustão por três anos e meio e saiu em 2014. Desde então, ela faz diversas propagandas na televisão - foi apelidada de Verão em um comercial de cerveja - e se tornou referência de saúde e boa forma.

Aline terá a difícil tarefa neste Carnaval de substituir Sabrina Sato como rainha de bateria da Vila Isabel. A bailarina de 32 anos foi coroada em meio a polêmicas, quando teve de negar os boatos de que a empresa de cerveja da qual é garota-propaganda teria pago R$ 3 milhões para ela assumir o posto. Aline já foi rainha de bateria da Caprichosos de Pilares, em 2014.

Lorena Improta, musa da Viradouro

Lorena Improta deixou o balé do Faustão em 2017, após dois anos. Ela entrou no programa por meio de um concurso, em que foi campeã, ao lado de Francielle Pimenta e Brennda Martins. Após deixar a atração dominical, Lorena continuou na mídia, principalmente por namorar com o cantor Leo Santana, de quem chegou a ficar noiva, entre 2017 e 2019.

No Carnaval de 2020, Lorena será musa da Viradouro, onde já desfilou em 2018 - ano, aliás, em que a escola foi campeã do Grupo A e voltou ao Grupo Especial.

Carla Prata, musa da Dragões da Real

Carla Prata foi uma das bailarinas que mais "duraram" no Domingão do Faustão. Ela ficou na atração entre 2007 e 2011, e chegou a virar repórter nos últimos anos. Depois do programa, ela participou de A Fazenda, em 2015, e do Dancing Brasil, em 2017, ambos na Record.

Veterana no Carnaval e com 38 anos, ela será musa da Dragões da Real, do Grupo Especial de São Paulo, pela primeira vez. Antes, Carla foi rainha da Grande Rio e Acadêmicos da Rocinha, além de musa da União da Ilha do Governador e da Imperatriz Leopoldinense, no Rio. Na folia paulistana, ela já desfilou na Gaviões da Fiel.

CarnaUOL