PUBLICIDADE
Topo

Leo Dias

Musa da Viradouro, Lorena Improta fala de título da escola: 'Sou pé quente'

Lorena Improta desfiliu como musa da Viradouro - Divulgação/Danilo Borges
Lorena Improta desfiliu como musa da Viradouro Imagem: Divulgação/Danilo Borges
Leo Dias

Leo Dias é jornalista e diretor-executivo do "TV Fama", da Rede TV!. Foi correspondente internacional da rádio portuguesa RDP, passou pelas TVs Bandeirantes e RedeTV! e apresentou um programa na rádio FM O Dia, líder de audiência no Rio de Janeiro, onde entrevistava políticos, jogadores de futebol, dirigentes e muitos artistas. Assinou uma coluna de celebridades no jornal "O Dia" e também esteve nos jornais "Extra" e nas revistas "Contigo", "Chiques e Famosos", "Amiga" e "Manchete". Apesar dessa experiência, sempre se definiu como repórter, tamanha paixão pela apuração da notícia e pela vontade em produzir conteúdos exclusivos. Polêmico, controverso e dono de uma forte personalidade, Leo conquistou um público cativo por dar notas explosivas e audaciosas num mundo artístico mais conservador. Seu lema: "A fama tem um preço estou aqui para cobrar".

26/02/2020 19h08

Lorena Improta tem um histórico de conquistas com a Viradouro. Quando a escola ainda estava na série A, em 2018, a dançarina desfilou pela agremiação de Niterói e comemorou junto com a comunidade a subida para o Grupo Especial, Agora, novamente a bailarina desfilou como musa na Viradouro e viu a escola dessa vez conquistar o título, algo que não acontecia há 23 anos.

"Que felicidade. Nossa, estou muito feliz, sou pé quente. Em 2018 quando desfilei nós subimos do Acesso para o grupo Especial, esse ano estou voltando e ganhamos o campeonato também", disse Lorena aos gritos comemorando o título.

A escola de Niterói, que defendeu o enredo "Viradouro de Alma Lavada", somou 269,6 pontos, que garantiram seu segundo título do Grupo Especial, depois de um jejum de 23 anos. A disputa foi acirrada e emocionante, com Grande Rio e Beija-Flor, decidida apenas no último quesito, harmonia.

"Brincadeiras à parte, estou feliz em viver isso com a comunidade. Sou muito grata à Viradouro por ter me abraçado ainda mais por ter esse enredo sobre a Bahia e as mulheres. Estou muito feliz mesmo", completou a bailarina.

*Com colaboração de Lucas Pasin.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Leo Dias