PUBLICIDADE
Topo

CarnaUOL 2020

Fefito


Fafá de Belém abrirá o maior bloco do mundo: 'Com o Galo não se brinca!"

Fafá de Belém estará no Galo da Madrugada no Recife e em São Paulo - Reprodução/Instagram
Fafá de Belém estará no Galo da Madrugada no Recife e em São Paulo Imagem: Reprodução/Instagram
Fefito

Fernando Oliveira, conhecido como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela IstoÉ Gente, Diário de S. Paulo, iG, R7. Atuou como apresentador do Estação Plural, da TV Brasil, Mulheres, da TV Gazeta, e Morning Show, da Jovem Pan.

Colunista do UOL

19/02/2020 16h04

Resumo da notícia

  • Cantora estará no Galo da Madrugada no Recife e em São Paulo
  • Em alguns dias, Fafá fará três shows em diferentes palcos
  • Cantora planeja descansar em Portugal após maratona da folia

Não há dúvidas de que Fafá de Belém é uma majestade nos Carnavais do Norte e Nordeste do país. Neste ano, a cantora estará à frente do Galo da Madrugada, maior bloco do mundo, não apenas no Recife, no dia 22, mas também em sua versão em São Paulo, no dia 25. Dona de hits como "Nuvem de Lágrimas" e "Vermelho", Fafá adaptou o repertório com frevos e maracatus para os muitos shows que fará. Também atriz, começou os ensaios tão logo terminou as filmagens de "Um Pai no Meio do Caminho", longa-metragem da Netflix estrelado por Maísa. A cantora conversou com a coluna sobre a preparação para o Carnaval.

Como está a sua maratona de Carnaval? Tem alguma preparação especial?
Minha maratona emendou com outra maratona, porque estou vindo de uma temporada no Rio de Janeiro, de um filme para a Netflix, do Baile Municipal do Recife e do desfile do Acadêmicos do Baixo Augusta. Nesta quarta-feira (19), começo os ensaios de carnaval. O bicho está pegando! Mas fico muito em casa, faço bicicleta na piscina e muita hidratação. Está muito quente e a hidratação é o mote desse Carnaval. Como muita fruta fresca, muita pitaia e maçã. Comecei a fazer ioga e também um detox para baixar os excessos. E, além disso, estou provando várias fantasias. Elas vêm lindas!

Vai dar tempo de pular Carnaval disfarçada?
A maratona de espetáculos que faço não dá tempo para descanso. Tem dias nos quais eu faço três palcos em questão de horas no Recife. Prefiro descansar e me poupar, até porque vou pegar muito avião, passar muito calor. Prefiro jantar com a equipe depois dos shows e ir dormir bem linda, mas já pulei disfarçada muitas vezes.

Você vê muita diferença entre os carnavais de décadas atrás com os de hoje?
A grande diferença são os bloquinhos, que voltaram com força total, e também a força de São Paulo no Carnaval. Os grandes carnavais do fim dos anos 70 eram formados por pessoas investindo em fantasias. Nos últimos tempos, ainda via isso em Recife, Belém e Salvador, mas agora está acontecendo em São Paulo também, fantasias belíssimas. Estou amando, porque dá asas à nossa imaginação.

Como está a preparação para o Galo da Madrugada? Incluirá frevos no repertório?
O Galo basicamente é feito à base de frevo e ciranda, de músicas pernambucanas. Com o Galo não se brinca! É uma tradição. Tanto em Pernambuco quanto em São Paulo tem de se levar em consideração o "pernambuquês", o sotaque das músicas, a metaleira. Boto ainda um pouco de guitarrada do Pará, para virar um "Paranambuco", com muitos frevos e marchas. Mas o comandante do Galo é o Gustavo Travassos, que me convida desde sempre. Há dez anos abro o Galo e faço isso com muito orgulho. Esse ano lançaremos o Galo em São Paulo. O tema é cordel e viremos fantasiados de quê? De cordel!

Como é a sua relação com o Recife? Qual a sensação de fazer show em um trio no maior bloco do mundo?
A minha relação com Pernambuco é muito boa e vem de muitos anos. Estou fazendo carnaval lá há dez anos. Eu tenho grandes amigos, conheço grandes compositores de lá. Acho maravilhoso porque é um carnaval multicultural, com palcos para todas as músicas e olhares. Fazer trio elétrico é heavy metal. Na primeira vez, eu tomei um susto, mas quando acaba a gente quer mais.

Que música sua não pode faltar na folia?
O que não pode faltar é "Vermelho". Eu canto muita coisa, mas essa não pode faltar. Inclusive tenho um arranjo dela que começa com maracatu, passa por ciranda e termina em frevo.

Você se preocupa com os figurinos? Costuma gastar muito ou faz looks mais econômicos?
Eu gosto do glamour, adoro um personagem. Mas vou otimizando e reciclando fantasias. Sempre uso algo do ano passado nesse ano. Eu acho um absurdo usar as coisas uma vez só. Eu repito roupa, não tenho isso de personal stylist, de usar e pendurar no armário. Todas as roupas que uso são minhas. Sempre vou buscar no meu baú de fantasias e tentar uma releitura entre as coisas que eu tenho. Sou bicha, uma mulher viado! Sempre me vestem lindamente, de plumas ou paetês!

Quais os planos para depois da maratona carnavalesca?
Saio do Galo da Madrugada e vou para Portugal. Tenho um evento fechado lá, um baile à fantasia em que vou fazer um show. Depois, tiro uns dias para descansar da folia.

Fefito