PUBLICIDADE
Topo

Blocos de rua

Tiago Abravanel se irrita, para bloco e ameaça chamar polícia para brigões

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

04/02/2018 19h49

Tiago Abravanel se irritou depois de avistar uma briga no meio da multidão, durante a apresentação do Bloco Gambiarra, em Pinheiros, zona oeste de São Paulo, neste domingo (4). O cantor e ator interrompeu o show e ameaçou até mesmo chamar a polícia para conter os dois brigões.

Segundo testemunhas ouvidas pelo UOL, um rapaz tentou furtar o celular de um jovem, que percebeu a ação e reagiu imediatamente. Os dois partiram para briga física. Tiago viu a cena e esbravejou de cima do trio elétrico.

"Eu vou falar uma coisa para vocês. Espera aí, espera aí. Que parte do Carnaval do amor vocês ainda não entenderam, porr*?! Se for para brigar, vocês podem sair daqui agora. Parou com a palhaçada? Ou então a gente chama a polícia e resolvemos essa história, porque, para mim, quem faz baderna em bloco é bandido. E aqui só tem família, amigo e amor", disse o neto de Silvio Santos.

Ao UOL, Tiago Abravanel reafirmou a sua irritação. "Eu fico put* porque Carnaval é para a gente se divertir e não arrumar confusão. E confusão, para mim, se resolve é com a polícia", avaliou ele.

Bloco da diversidade

Com uma roupa coberta por girassóis, Tiago Abravanel agitou o Bloco Gambiarra, conhecido pela "diversidade" e a presença maciça do público LGBT.

Poucos minutos antes de iniciar a sua apresentação, o ator e cantor conversou com a imprensa, ressaltou a importância que o bloco representaria para o Carnaval paulistano e pediu "mais respeito e tolerância".

"Eu sempre frequentei a Gambiarra, e ela é como se fosse a minha segunda casa, onde o amor e a diversidade podem entrar. E poder comandar uma festa da diversidade é algo que me representa. Eu acho que através do Carnaval a gente pode entender que a liberdade do amor é respeitar o lugar do outro. As pessoas merecem mais respeito, mais amor, mais tolerância", afirmou Tiago à reportagem.

Tiago Abravanel cantou por cerca de duas horas no Bloco da Gambiarra. No repertório, foram 30 músicas, entre atuais e retrô, como "Lua de Cristal", de Xuxa, "Milla", de Netinho, "Robocop Gay", dos Mamonas Assassinas, entre outras. 

Além dele, estiveram presentes no bloco: Luciana Gimenez (com um look prateado), Silvetty Montilla e Glória Groove.